Hoje o texto é da Carla Fernanda!

Primeiramente, quero agradecer ao convite da Rosana para participar deste mês tão especial.

O Natal é uma época difícil para mim, porque traz boas lembranças de um tempo que não existe mais, com as tradições, os almoços e as reuniões familiares rodeado de alegrias e presentes, em meio aos amigos. Essa época da minha infância e juventude deixou saudades, mas aquela inocência ainda perdura dando um ar de nostalgia relembrando de alguns filmes, livros, comerciais e tantas coisas que deixaram saudades.

Dos livros, sempre tem algum que me marcou durante toda a minha vida, mas teve um que nessa época mexeu demais com as minhas emoções e o enredo se passa nessa data comemorativa, o que dá um toque a mais na história porque se torna uma dádiva. Para quem nunca leu, recomendo “O Presente”, da autora Danielle Steel, porque é uma história que vai te emocionar.

Dos filmes, focados no tema natalino, de fim de ano ou não, que sempre reprisaram nessa época, que amo, e que se tornaram clássicos memoráveis:

…E o Vento Levou – Clark Gable e Vivien Leigh

A Noviça Rebelde – Julie Andrews e Christpher Plummer

O Mágico de Oz – Judy Garland

Scarlett – Joanne Whalley e Timothy Dalton

A Felicidade não se Compra – James Stewart e Donna Reed

Milagre na Rua 34 – Dylam McDermott

The Holy Family – Alessandro Gassman e Ana Caterina Morariu

Um Natal Inesquecível – Rob Lowe

The Christmas Blessing – Rob Lowe

The Christmas Hope – Madeleine Stowe

Uma Carta de Amor – Kevin Costner

Antes que Termine o Dia – Jennifer Love Hewitt

Um Diário para Nicholas – Christina Applegate

Dio, come ti Amo! – Gigliola Cinquetti e Mark Damon

Um Dia Especial – George Clooney e Michelle Pfeiffer

Bonequinha de Luxo – Audrey Hepburn

O Príncipe das Marés – Barbra Streisand

Love Story – Ryan O’Neal

Esqueceram de Mim – Macaulay Culkin

Muitos jingles também se tornaram inolvidáveis e até hoje perduram em minha memória, pois são preciosidades que ficaram para sempre, entre eles:

– Quem não se recorda do lindo dueto entre a apresentadora Xuxa e o cantor Fábio Jr. cantando a música Quem será Papai Noel?

 

Lá, lá, lá, lá, lá, lá, lá…

 

Tanta gente já falou que ele mora lá no céu

Mas ninguém me explicou quem será Papai Noel

Procurei por todo canto ele não apareceu

Vai ver que ele não existe ou será que ele morreu…

 

Fui na loja de brinquedos, quem eu vejo no caminho

Tinha alguém fantasiado, mas não era o bom velhinho

Perguntei pra um soldadinho, pra um ursinho a tocar

Se Papai Noel existe diz pra mim onde ele está…

 

Quem souber, quem achar

Já cansei de perguntar e procurar

Quem souber, quem achar

Mande alguém correndo logo me avisar…

 

Eu também queria tanto encontrar esse velhinho

Quando der a meia-noite dar pra ele mil beijinhos

Quero olhar ele de perto só pra ver se ele é real

Vou querer virar criança nessa noite de natal…

 

Uma luz no horizonte já brilhou pra me mostrar

Que o sonho é mais que um sonho se você acreditar

Seja rico ou seja pobre, esperança a gente tem

Que o Papai Noel existe vem brincar comigo vem…

 

De avião, num balão

Numa carruagem feita de algodão

Quem quiser encontrar

Ele mora dentro do seu coração…

 

Lá, lá, lá, lá, lá, lá, lá

Eu acredito

Lá, lá, lá, lá, lá, lá, lá

Em Papai Noel!!!!

Fonte: Letras.com.br

– Jingle, do extinto Banco Nacional. Quem não se recorda desse comercial?

Quero ver você não chorar

Não olhar pra trás

Nem se arrepender do que faz

Quero ver o amor vencer

Mas se a dor nascer

Você resistir e sorrir

Se você pode ser assim

Tão enorme assim eu vou crer

Que o Natal existe

Que ninguém é triste

Que no mundo é sempre amor

Bom Natal um feliz Natal

Muito amor e paz pra você

Pra você…

Fonte: Site InfanTV

 

 

– Jingle, da Varig:

Estrela brasileira, no céu azul,

iluminando de norte a sul.

Mensagem de amor e paz,

nasceu Jesus, chegou o natal.

Papai Noel voando à jato pelo céu,

trazendo um natal de felicidade,

e um ano novo cheio de prosperidade.

Varig, Varig, Varig!

 

Fonte: Site Trapizongas do Dia

 

Gostaria de compartilhar com vocês, um texto muito lindo, de Geraldo Eustáquio de Souza:

 

“A você, que esteve comigo nesse mundo virtual dos livros, desejo-lhe:

Paciência – para as dificuldades.
Tolerância – para as diferenças
Benevolência – para os equívocos.
Misericórdia – para os erros.
Perdão – para as ofensas.
Prudência – para as ilusões.
Equilíbrio – para os desejos.
Sensatez – para as escolhas.
Sensibilidade – para os olhos.
Delicadeza – para as palavras.
Discernimento – para os ouvidos.
Resignação – para a escassez.
Responsabilidade – para a fartura.
Coragem – para as provas.
Fé – para as conquistas.
Amor – para todas as ocasiões.
Paz – no coração.

Mas, lembre-se que…

A paz começa dentro de mim,
quando me aceito de corpo e alma
e reconheço meus defeitos
com paciência e calma,
E, em vez de me fragmentar em mil pedaços
eu me coloco inteiro no que penso e faço,
passageiro no tempo e no espaço
sem medo de errar e com muita vontade de aprender.

A paz começa entre nós,
quando eu aceito o teu modo de ser
sem me opor ou resistir
e reconheço tuas virtudes
sem te invejar ou me retrair,
e faço das nossas diferenças
a base de nossa convivência
e em lugar de te dividir em mil personagens,
consigo ver-te inteiro, real,
sem nenhuma maquiagem,
companheiros da mesma viagem
no processo de aprendizagem do que é ser gente.

A paz começa
quando as palavras se calam
e os gestos se multiplicam
quando se reprime a vergonha
e se expressa a ternura
quando se repudia a doença
e se enaltece a cura
quando se combate a normalidade que virou loucura
e se estimula o delírio de melhorar a humanidade,
de construir uma outra sociedade,
com base numa relação,
em que o amor e o respeito ao próximo
são a regra e não a exceção.”

 

E, para encerrar, desejo a todos que um FELIZ NATAL e que o Papai Noel realize todos os nossos sonhos, enchendo-nos de esperanças, abençoando e iluminando nossos caminhos, para que no ano vindouro possamos estar aqui, mais uma vez, reunidos em um círculo de amizade, repleto de sonho e de reflexão e, claro, com muitos livrinhos para rechear ainda mais nosso sabor e cultivar ainda mais amor pela leitura.

Carla Fernanda

 Carla Fernanda-Blog Sonho de Reflexão twitter @sonhodereflexao