Hoje o texto é da Ana Carla

Que venha 2012!

Então é Natal!

Momento de festas, presentes, confraternizações, momentos embaraçosos com a família, os parentes que você não vê o ano inteiro e de repente querem saber tudo da sua vida.

Mas o Natal passa rapidinho, e quando percebe, está na reta final para acabar o ano. E lá vamos nós novamente fazer aquela pequena lista do que queremos para o novo ano.

Como assim? Mas foi ontem mesmo que eu estava fazendo minha lista de desejos para 2011, e agora vai começar 2012?! Tem alguma coisa errada com o tempo, parece que cada vez está mais curto!

O tempo continua igual, mas nossas preocupações, problemas mudam cada semana. Sempre precisamos de mais tempo para resolver tudo, e não arrumamos tempo para nós mesmos. É preocupação com a casa, trabalho, dinheiro, responsabilidades, estudo, etc. Esquecemos até mesmo que respiramos!

Em todo começo de ano, eu acredito que a maioria faz isso, escrevemos uma lista do que queremos para aquele tempo que se inicia:

  • Quero comprar um carro;
  • Quero minha casa;
  • Quero emagrecer;
  • Quero isso ou aquilo;

Mas dinheiro vai, dinheiro vem, e acabamos conquistando bem menos do queríamos. E mais uma vez, quando percebemos, o ano acabou e ainda não conseguimos tudo o que desejamos e ficamos frustrados.

Mas nesse ano que está acabando, eu percebi algumas coisas diferentes, e quero fazer uma pequena proposta: vamos fazer uma lista diferente esse ano? Uma lista ligada apenas aos nossos sentimentos?

  • Vou conversar mais com minha mãe/pai, estou com tantas saudades deles…
  • Vou passear mais com o meu filho, e nem vou ligar se ele acabou de sujar a roupa nova que dei para ele;
  • Vou sair mais com o meu marido/namorado, o dia está corrido, mas não podemos nos esquecer do romantismo;
  • Vou ao médico, faz tempo que deixei a saúde de lado, não posso fazer isso, preciso cuidar de mim;
  • Vou procurar olhar a beleza da natureza. No dia a dia, mal vejo meu filho indo para a escola.

Esses são apenas algumas das coisas que não paramos para observar no nosso dia a dia. Ficamos tão preocupados com o tempo, que não o vemos passar, e quando percebemos, o que mais queríamos, ficou perdido no meio do caminho.

Vamos fazer uma promessa para 2012? Vamos esquecer o dinheiro, o regime, o estudo, a casa, vamos esquecer tudo por um momento, e vamos fazer algo um pouco diferente:

“Que esse ano que vai se iniciar, eu deixe de lado a mágoa, o ódio e o rancor.

Que eu ame mais a cada dia, que eu sorria, pule, brinque, chore de alegria. Que viva intensamente cada momento, cada segundo do meu dia.

Que eu baseie todas as minhas ações nos bons sentimentos. Que encontre dentro de mim a paz para enfrentar qualquer problema.

E o resto, sei que vou conquistar, mesmo que demore um pouquinho mais, eu vou conseguir, pois vou estar em paz comigo mesma.”

Esse pequeno texto é apenas um lembrete, até para mim mesmo, de que temos que cultivar nossos sentimentos. E nada melhor como o começo de um novo ano para mudanças.

Eu desejo a todos, um Natal de muita luz, paz, amor. E que 2012 realize nossos sonhos!

E que venha 2012!

Seja bem vindo, ano maravilhoso!

 

 

 Ana Carla- Blog Histórias Sem Fim twitter @Kkkarlla