Olá!

Fazia tempo que eu não assistia a um filme policial tão denso, tão bom como este. Uma história de gangues – Les Lyonnais, um filme francês, fora do circuito hollywoodiano, que não deixa nada a desejar.

Não trata apenas de uma caçada aos bandidos, é a história de uma amizade, de um código de honra e lealdade que não é quebrado mesmo as custas de mortes. É baseado no livro autobigráfico de Edmond Vidal , Momon, onde este descreve a sua experiência de juventude no Gang des Lyonnais

Uma história de gangues (2011)

Les Lyonnais

A gangue Les Lyonnais é formada por ladrões com honra, onde a palavra de um ladrão é cumprida, e acima de tudo por dois amigos de infância Momon e Serge. A amizade dos dois começou na escola ao Serge defendê-lo de bullyng por ser cigano, e saí por diante eles tornam-se inseparáveis. Momon cresceu em um acampamento cigano e tem um senso de família,lealdade e orgulho de suas origens. Mais trade os dois são presos por roubarem caixas de cerejas e essa lealdade cresce ainda mais entre eles.

Inevitavelmente eles entram para o crime organizado e depois criam a gangue Les Lyonnais, a mias notória nos idos de 1970 na França. E seu fim culminou em 1974 com a prisão espetacular . Já com seus 60 anos Momon, aposentado dessa vida de crime, levando uma vida mais pacata, com sua esposa, filhos e netos, ele é procurado para ajudar um antigo amigo, pois Serge,  foi preso e somente ele poderá ajudar. O filme começa pelo fim, com Momon relembrando sua trajetória de vida, e todas as coisas boas e ruins que ele passou com sua gangue até o momento crucial onde a lealdade é colocada em dúvida.

Realmente é uma pena esse filme não ter sido divulgado aqui no Brasil como deveria. O enredo é maravilhoso, a atuação ótima, além de uma trilha sonora no tom certo.

Dirigido pelo francês Olivier Marchal, com Gérard Lanvin, Tchéky Karyo, Daniel Duval

 

Trailer

See ya!

Rosana