Tilly Bagshawe – Fama


Fama, o mais novo livro de Tilly Bagshawe, mostra a vida de quatro personagens que tem suas vidas entrelaçadas por um único motivo: o remake de O Morro dos Ventos Uivantes. Sabrina, uma linda atriz de hollywood, se afogou em bebidas e acaba de sair de um período em que ficou em uma clínica de reabilitação, então precisa voltar a brilhar nos holofotes e a estrelar as capas de revista. A publicidade que ela gerava nos últimos meses não tem sido das melhores, então Sabrina precisa arrumar uma maneira de se reerguer. Por isso, quando seu empresário a obriga a aceitar o papel de Cathy no remake do clássico das irmãs Brönte, sem ganhar nenhum cachê, ela se vê num beco sem saída.

Ao mesmo tempo, Viorel Hudson se vê na situação oposta de sua futura companheira de filmagens: bem sucedido, com um histórico impecável e papéis escolhidos, propositalmente, a dedo, ele se vê em um dos melhores momentos da sua vida ao receber a proposta de trabalhar com um dos diretores que mais admira, em um filme que tem tudo para dar certo, recebendo o maior cachê que já lhe ofereceram na vida. Rasmirez, um diretor aclamado que se encontra em péssima situação financeira desde que lhe fora restituído o castelo onde vivera com seus pais na Romênia, de onde fugiram, na infância, precisa de um grande sucesso de bilheteria para poder manter sua vida com Chrissie, sua esposa desde os tempos de faculdade, nos mesmos padrões e quitar as dívidas que vem contraindo desde seu último filme, que não foi bem sucedido.

Por isso, decide gravar O morro dos ventos uivantes, um clássico que não é erudito demais para atingir as grandes massas, e que vai instigar as pessoas a saírem de casa por causa dos atores que escalara para viver Cathy e Heathcliff em seu filme. Desse modo, ele aluga o casarão de Tish Crewe para gravar seu filme. Letitia, normalmente chamada de Tish, é uma jovem que passou os últimos cinco anos de sua vida na Romênia, onde trabalhava com orfãos. Ela tem que voltar para a Inglaterra quando a governanta do casarão lhe chama. Seu pai, ao morrer, deixa o casarão para sua mãe que, por sua vez, passou, ainda em vida, o casarão para o irmão de Tish, Jago. O problema é que Jago, jovem irresponsável que é, decide largar a vida na grande propriedade no interior da Inglaterra para viver uma vida mais pura e longe dos prazeres materiais nas montanhas do Tibet. Mas, antes de partir, deixa que alguns amigos fiquem hospedados na casa. Só que esses amigos começam a saquear a casa e a vender os objetos valiosos que encontram para poder pagar as drogas que usam. Assim, sem saber o que fazer, a governanta avisa Tish sobre a situação de Loxley, o casarão que está na família há anos. Tish não vê outra alternativa que não retornar à Inglaterra para resolver o problema e, assim que ali chega com seu filho Abel, de cinco anos, percebe que a situação é ainda pior do que imaginava. A casa, além de ter tido toda uma ala destruída, estava mergulhando em dívidas por conta do custos de manutenção. Por isso, quando a oferecem de alugar a casa para a filmagem, ela aceita de bom grado.

Quando Fama chegou aqui em casa, a primeira coisa que eu fiz foi me apaixonar pela capa do livro. Não consigo pensar em uma capa que denote mais glamour, sofisticação e sensualidade. Assim, eu comecei a leitura do mais novo livro de Tilly Bragshawe imaginando que a história iria falar sobre os bastidores da fama, o brilho e a perdição que rodeiam uma atriz de Hollywood. Também achei que o livro iria girar completamente em torno de Sabrina que, pela sinopse, parece ser a personagem principal. Eu estava redondamente enganada. Fama mostra, sim, como a vida pode ser quando se vive no meio do sucesso. Palavras são distorcidas, a imagem é o que importa e as relações muitas vezes não são mais reais que a dos personagens de um livro. O livro mostra que a vida em Hollywood é muito mais ampla que o que aparece na lente das câmeras.

Outra coisa que me fez grudar no livro e não largar até o final é a maneira como a autora coloca os personagens. Ela fala sobre um, depois sobre o outro mas, mais do que isso, ela consegue transmitir a forma de pensar de cada personagem, passando da mente de um para o outro de forma graciosa e nada brusca e fazendo com que o leitor tenha uma visão muito mais abrangente do que é a história em si. Desse modo, conhecemos cada nuance das vidas dos personagens, não só dos quatro protagonistas, mas de todos os outros personagens que pontilham a trama. Cada um tem uma personalidade distinta, seja ela forte, fraca ou guiada pelos desejos. Você passa o livro torcendo pelos personagens, questionando as escolhas deles, esperando que algo determinado aconteça. Eles ganham cada vez mais vida, conforme as páginas vão avançando. E, quando viramos a página mais uma vez, nunca temos total certeza do que vai nos esperar do outro lado. O ritmo de leitura te faz passar de uma história para a outra sem perder o foco, para que não deixe passar nenhum detalhe. Eu, pelo menos, me vi intrigada e ansiosa para saber qual o destino dos personagens e do filme que os uniu. Adorei cada minuto que passei lendo o livro e, quando me despedi dos personagens, torci secretamente para que a autora escrevesse mais livros, para eu ter a chance de ler outras obras tão bem conduzidas.

 

CAPA, FICHA TÉCNICA, SINOPSE

FAMA

Fame

Tilly Bagshawe
ISBN:  9788501096630
Editora: Record
Número de páginas: 462
Encadernação: Brochura
Formato: 16 X 23 cm
Ano Edição: 2013
Tradução: Mariana Kohnert, Michele Gerhardt

SINOPSE

Linda, rica e famosa, a atriz Sabrina Leon tem um temperamento explosivo e uma vida desregrada que pode lhe custar a meteórica carreira em Hollywood. Sua chance de redenção surge no convite para protagonizar o remake de o Morro dos Ventos Uivantes, dirigido pelo famoso e agora quase falido Dorian Rasmirez, que busca também salvar sua carreira.

Boa leitura

 

Compre o livro em um dos links abaixo e ajude o Livrólogos 🙂

Saraiva

Fnac

Livraria da Folha

Livraria da Travessa

em eBook:

Iba

Previous Castle - Murder, He Wrote
Next Companhia das Letras - Lançamentos

2 Comments

  1. Fellipe Ramos
    31/07/2013

    Quando eu vi a capa do livro não imaginava nada desse jeito! Como você, eu imaginava que seria um livro com os bastidores da fama, ou coisa do tipo, mas para ser bem mais que isso, o que é realmente bem mais empolgante!
    Fiquei curioso também pelo fato de no livro eles quererem fazer um remake de O morro dos Ventos Uivantes, que eu nunca li, mas parece ser bem interessante!

  2. Tainara H.
    29/07/2013

    Hum, gostei bastante da história descrita, apesar de não ser o meu tipo de livro, achei o enredo bem legal, as referência a “O Morro dos Ventos Uivantes” e os personagens que parecem ser bastante interessantes. Antes não tinha me interessado nada pelo livro, mas agora mudei um pouco de ideia. Só não sei quando ou se conseguirei ler esse livro, diante da quantidade da minha lista de desejados, pelos quais me interesso mais do que por esse. Mas se eu tiver a oportunidade, certamente lerei, parece muito bom. Ótima resenha! ;D

Deixe um comentário! Quero saber o que achou do texto ;)