Sophie Kinsella entrou na minha vida em uma tarde de sábado, alguns anos atrás, quando eu assisti à Delírios de Consumo de Becky Bloom. Eu sempre fui dessas apaixonadas por moda, rosa e sapatos, então imagine minha alegria ao assistir esse filme. E eu meio que gasto meu dinheiro, quando ele existe, bem rapidamente… Só nunca faço dívidas, mas também quase não guardo. Depois que esse filme saiu, invariavelmente todas as minhas amigas falam que lembram de mim quando assistem, então não tinha como eu não amar. Por isso, peguei o livro emprestado com uma amiga, e me apaixonei pelo jeito que Sophia escreve. Muitos, muitos anos depois, aqui estou eu, feliz da vida por ter finalmente comprado um livro dela (YAY!). E, olha, te dizer que estou completamente apaixonada por esse livro.

Fiquei com seu número conta a história de Poppy, uma fisioterapeuta que está noiva de uma cara que além de lindo, rico e inteligente, está apaixonado por ela. Ele lhe deu o anel da família quando fez o pedido, e Poppy não poderia estar mais feliz. Até que um dia, ela perde o bendito anel em um evento. Isso aconteceu porque todas as suas amigas queriam ver o lindo anel e insistiram que ela tirasse do dedo e permitisse que todo mundo experimentasse. Só que o alarme de incêndio dispara, todos ficam desesperados, e ninguém se lembra aonde o anel foi parar. Desesperada, ela procura em todos os cantos do hotel onde o evento estava acontecendo, mas não encontra nada. Por isso, deixa seu telefone com todos os empregados do hotel, pedindo que eles lhe liguem caso o encontrem.

Para melhorar, ela sai do hotel para tentar fazer uma ligação e é roubada! Sem celular, sem anel e completamente desamparada, ela não sabe o que fazer. Mas encontra um celular no lixo do hotel, e começa a ficar mais esperançosa. Ela pega o celular, distribui o número para os funcionários do hotel e fica esperando por uma ligação que diga que sua vida pode voltar ao normal.

Só que, obviamente, o celular não é dela. Na verdade, era de uma assistente, que em um momento de raiva, o joga no lixo. Só que o ex-patrão dessa assistente quer o celular de volta. E Poppy não pode entregá-lo, uma vez que está esperando notícias naquele número. E é por isso que ela faz a proposta mais inusitada do mundo: se ele deixar o celular ficar com ela, ela promete encaminhar todos os e-mails ou ligações que chegarem para ele. É aí que a história de verdade começa.

Poppy é muito engraçada e, como o livro é narrado em primeira pessoa, a história toda tem um tom delicioso. Ela consegue arrumar mil problemas, mas ao mesmo tempo sabe lidar com tudo sem perder o humor. Sem contar que eu me diverti horrores com os diálogos entre Poppy e Sam, o empresário dono do celular, que na maioria são feitos em forma de sms.

É um livro muito divertido, sem nada de muito surpreendente no final, porque, afinal de contas, é um romance chick-lit da Sophia, e mesmo assim vale muito a pena. Um dos livros que eu mais gostei de ler até hoje.

CAPA, FICHA TÉCNICA, SINOPSE

FIQUEI COM SEU NÚMERO

I Got Your Number
Sophia Kinsella
ISBN: 9788501098634
Editora: Record
Número de páginas: 462
Encadernação: Brochura
Formato: 13,5 X 20,5 cm
Ano Edição: 1/2012

SINOPSE

A jovem Poppy Wyatt está prestes a se casar com o homem perfeito e não podia estar mais feliz… Até que, numa bela tarde, ela não só perde o anel de noivado (que está na família do noivo há três gerações) como também seu celular. Mas ela acaba encontrando um telefone perdido no hotel em que está hospedada. Perfeito! Agora os funcionários podem ligar para ela quando encontrarem seu anel. Quem não gosta nada da história é o dono do celular, o executivo Sam Roxton, que não suporta a ideia de ter alguém bisbilhotando suas mensagens e sua vida pessoal. Mas, depois de alguns torpedos, Poppy e Sam acabam ficando cada vez mais próximos e ela percebe que a maior surpresa da sua vida ainda está por vir.

Espero que gostem!

Compre o livro em um dos links abaixo e ajude o Livrólogos :)

Submarino

Saraiva

Livraria da Travessa

Livraria da Folha

em eBook:

Iba