Amanhã é o lançamento de  A Menina que Ouvia Demais de Maurício Kanno

Na Biblioteca Pública Viriatto Corrêa das 15 às 18H. Próx metrô Vila Mariana.

Neste link do Facebook mais detalhes do evento.

Todos estão convidados!

É um livro para o público juvenil (e quem mais tiver mente jovem e viajante) “A Menina que Ouvia Demais”, sobre uma garota que ouve o narrador da própria história e sonha com ela mesma no futuro; essa situação causando diversos conflitos ao longo da narrativa.

Com 180 páginas e 12 ilustrações produzidas pelo próprio autor.

 

mauricio  mauricio 2

Sinopse

O livro é voltado principalmente ao público pré-adolescente e para todo aquele com mente jovem. Une diversão com metalinguagem e diferentes pontos de vista em um problema. Isso é feito com tantos diálogos – frequentemente cômicos – como numa peça de teatro; descrições suficientes para ambientar o leitor em mundos imaginários; e personagens em conflitos absurdos.

O enredo trata de uma menina pré-adolescente que passa a ouvir o que diz o narrador da história em que ela vive, o que cria um grande problema para ambos. Ela está irritada de ouvi-lo o tempo todo, enquanto ele precisa cumprir o seu trabalho, interrompido tantas vezes pela menina escandalosa.

Já no “estúdio do mundo de criação de livros”, o chefe do narrador não compreende a situação e ameaça demiti-lo. Afinal, o funcionário estaria “brincando em serviço”. Será preciso resolver a situação, e o jeito que o narrador arruma para isso é um tanto exótico. Por que a menina está ouvindo a narração é um mistério, que só será esclarecido no final.

Alternadamente com essas confusões, o leitor também acompanha uma versão idosa da menina, que vive em um mundo futurista com uma estranha criatura que apareceu em sua casa. O visitante promete aventuras e novas maneiras de enxergar o mundo, enquanto ela parece só se interessar em escrever suas memórias.

Assim, como em uma telenovela, o romance reveza e vai mostrando, a cada capítulo (correspondente a cenas televisivas) o que está se passando com diferentes personagens, cada um em seu cenário. Até que alguns deles saem de seus núcleos narrativos e se misturam com os outros, contribuindo para a gradual resolução dos quebra-cabeças.

Como questões secundárias, a história aborda a relação da jovem protagonista com sua mãe, primas e colegas da escola, incluindo um amigo com quem ela teria uma paixãozinha não-declarada. Estão em evidência também as limitações físicas enfrentadas pela protagonista idosa. E o confuso narrador recorre até a um psicanalista.

Sobre o autor

“Maurício Kanno é jornalista formado pela USP, escritor e artista visual. Produziu animação em 2008, no Japão; e foi repórter para a Folha de S.Paulo entre 2009 e 2012. Estudou em oficinas de escrita criativa com os escritores Luiz Ruffato, Bruno Zeni e Luiz Bras (2012), cofundou o Núcleo de Escritores Nuke em 2012, foi membro do blog Incubadora Literária (2012-2013) e idealizou o blog Enlaces Literários em 2013.

Organiza o Sarau e Mostra de Artes pelos Direitos Animais todo ano desde 2010; concursos que reuniram 98 artes de 23 países desde 2012; exposições no Shopping Light (2013) e Espaço Surya (2014); produziu diversos textos literários, paródias musicais e pinturas; além de atualmente organizar um livro literário sobre os animais para o qual até agora reuniu 72 textos de 29 autores.”