Benjamin Black – A loura de Olhos Negros #resenha @EditoraRocco


A loura dos Olhos Negros

Olá!

Benjamin Black é o pseudônimo que o escritor irlandês John Banville usa para escrever romances policiais Noir. Policial e todas suas vertentes é um dos gêneros que mais aprecio ler. Veja o que achei de O cisne negro, do mesmo autor.

O autor sempre mantém uma tensão no ar e um enredo que gira em torno de segredos antigos, a corrupção da sociedade e claro da natureza destrutiva do poder e da riqueza, mantendo os moldes de Raymond Chandler. O livro é com certeza um adorável tributo. Para quem não conhece, o detetive Philip Marlowe do livro A loura de olhos negros é uma criação do autor Raymond Chandler. Em suas anotações ele deixou alguns títulos e A loura de Olhos Negros foi um deles.

Benjamin Black /John Banville é um dos maiores escritores da atualidade, mas ele caprichou. Não é uma novidade um autor escrever uma “sequência” de uma história de outro autor já falecido , utilizando seus personagens famosos, mas nem sempre o resultado é bom. O detetive Philip Marlowe reescrito por Black é ainda mais complexo, sem perder o original solitário e ferido no amor. Um brinde a nós leitores.

Em “A loura de olhos negros”, a narrativa em primeira pessoa nos prende desde o momento que a Loura que dá o nome ao livro, a sedutora e misteriosa Clare Cavendish chega ao escritório do detetive, que anda as vacas magras, até o desfecho do trama.

A senhora Cavendish veio até o detetive pois quer que ele encontre o seu (ex)amante Nico Peterson, que sumira há dois meses.

Mas as coisas não são nada simples. Cavendish é herdeira de uma das famílias mais ricas de Bay City, donos da empresa de perfumes “Fragrâncias Langshire”, e nosso detetive se vê sob o feitiço dela e ainda tornando-se o próximo alvo por conta do vespeiro que está tocando. Ele parte em busca de novas pistas , vendo onde Peterson estava mergulhado, e onde pessoas passam misteriosamente a morrer. Como mencionei, são antigos segredos, corrupção da sociedade e a natureza destrutiva do poder e da riqueza, que marcam a trama.

Então, tinha que ter sido o marido. Recostei-me para trás na cadeira e fumei meu cigarro, fazendo-me parecer descontraído. As pessoas tendem a achar que detetives particulares são estúpidos.

Será somente a procura de um ex amante?  Tortura, morte de inocentes, tráfico de droga, com muito suspense e narrado com descrições muito precisas não só dos locais e situações, mas dos pensamentos e diálogos , e claro, tudo mantendo o estilo de Raymond Chandler, mas escrito de forma extremamente talentosa por Black.

O céu era uma abóboda azul límpida com um sombreamento púrpura no zênite. O ar estava carregado da mistura de fragrâncias de árvores, arbustos e flores. Um rouxinol em algum lugar repassava seu repertório, e entre os arbustos havia o sibilar abafado de borrifadores de água em funcionamento. Los Angeles tem seus momentos, se você for suficientemente rico e privilegiado para estar noslugares onde eles acontecem.

É possível ver e sentir-se em filme noir , com todo o clima da década de 50 e suas descrições.

Leitura imprescindível para os amantes do gênero e para matar saudades de um fantástico escritor.

A capa é linda, as fontes do título e autor remetem ao clima do livro. A diagramação e o papel amarelado são agradáveis à leitura.

Capa, ficha técnica, sinopse

A loura dos Olhos Negros

A loura de Olhos Negros

Uma aventura do detetive Philip Marlowe

The Black-Eyed Blonde

Benjamin Black

ISBN:9788532529152
Editora: Rocco
Número de páginas: 320
Encadernação: Brochura
Formato: 14 X 21 cm
Ano Edição: 2013
Tradutor : Geni Hirata

Também em eBook

Sinopse

Com o pseudônimo de Benjamin Black, o premiado irlandês John Banville conquistou os leitores e a crítica com surpreendentes tramas policiais. Em A loura de olhos negros, Black se lança numa empreitada ainda mais desafiadora: dar vida a Philip Marlowe, o incomparável detetive particular criado pelo norte-americano Raymond Chandler.

Na trama, ambientada na Los Angeles dos anos 1950, enquanto investiga o desaparecimento de um homem a pedido de uma nova cliente, Marlowe se vê envolvido com a família mais rica da região, capaz de tudo para proteger sua fortuna. A loura de olhos negros traz de volta Philip Marlowe com todo o charme e estilo originais, numa aventura afiada e moderna.

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez

Previous Mary Balogh - Ligeiramente Casados @editoraarqueiro #resenha
Next Lançamentos de Novembro @Editorarocco

No Comment

Deixe um comentário! Quero saber o que achou do texto ;)