O presente do meu grande amor – Doze histórias de Natal @intrinseca #resenha


O presente do meu grande amor - Doze histórias de Natal

Olá!

Confira a resenha de O presente do meu grande amor – Doze histórias de Natal com organização de Stephanie Perkins

São doze histórias de Natal contadas por vários autores conhecidos como Laini Taylor, Rainbow Rowell, Ally Carter e outros .

Não importa se comemora o natal, ano-novo, ou solstício de inverno, mas é quando as pessoas se reúnem, famílias se encontram e desejos se realizam.

 

“Meias-noites”  apresenta dois amigos inseparáveis (Mags e Noel), que vão crescendo, se transformando com o passar dos anos  e das festas de ano-novo..

Todos os finai de ano,  eles se reúnem no porão da casa de Alícia.  Brincam, conversam e um se preocupa com o outro. Como ele é alérgico, ela está sempre atenta ao que seu amigo Noel come.

O tempo passa, terminam  o ensino médio e cada um vai à Faculdade escolhida. Ficam meses afastados , no período de aula.

Encontram, como de costume, todo  final de ano, na casa de Alícia.

Mags acha que tudo está diferente, e, pela primeira vez, eles dançam ao som da música de quando se conheceram nesse porão. Há anos são amigos e descobrem que se amam.  Será mesmo?

 

“A dama e a raposa” conta a história de Miranda(11 anos), cuja mãe está na prisão. Ela aproveita a companhia da madrinha, Elspeth, para passar o Natal na casa dos Honeywell.

Enquanto ela e Daniel , de 11 anos, filho de Elspeth, brincam com os presentes debaixo da árvore de Natal, ela nota um vulto que a observa pela vidraça embaçada devido a neve que cai lá fora.

Miranda sai, o vê de costas, lhe diz que está muito frio. Tanto insiste em que lhe diga o nome que conseguiu.O nome dele é Fenny.  Ela entra e indaga aos presentes sobre esse nome que ouviu, mas ninguém sabe quem é.

Chega outro Natal, e outro…   Que mistério!   Afinal, quem é esse cavalheiro que surge na noite de NataL?  Agora Miranda tem 18 anos.

Ela já conseguiu se aproximar dele, mas ele desaparece. Ela vai precisar da ajuda de alguém para desvendar esse mistério…

 

“Anjos na neve” — história de Shy foi fazer faculdade em Nova York, mas teve que abandoná-la por problemas financeiros. No Natal, Mike, seu chefe, viajou e ele ficou de babá do gato dele. Shy foi com o bichano para a casa do chefe.

Uma garota, vizinha do apartamento , foi pedir a Shy que olhasse o encanamento do chuveiro que estava com problemas. Mal sabia o garoto que a menina usara desse pretexto para se aproximar dele.

Ela havia rompido com o namoradinho e por não ter viajado para sua terra de origem, sentia-se muito só nessa época de festas.

Será necessário muita conversa para não quebrar a harmonia dos próximos eventos que estão por vir.

 

Em “Encontre-me na Estrela do Norte”, o cenário é mágico (Polo Norte) com duendes e seres diferentes dos humanos onde vive  Natty, que fora adotada pelo Papai Noel, numa noite em que entregava os presentes de Natal.

Duendes não costumam receber presentes, mas ela presenteia Flynn, seu amigo  duende, com um pássaro  que ela aprendeu a esculpir.  Ela o ama.

Ele  não quer aproximação com ela porque humanos não namoram duendes, e ele lhe diz que um dia ela vai embora.

Uma noite ela vai com o pai ( Noel)entregar os presentes e acaba conhecendo Lars, na Suécia. Eles trocam um beijo.

Ela conta aos amigos duendes esta história, mas ninguém acredita.

No próximo Natal ela ganha de seu amigo Flynn, o maior presente de sua vida…

 

Em “É um milagre de Yule”, o autor narra o encontro de Marigold, filha de hippies, com um jovem vendedor de árvores de Natal.

Desde a infância, a menina ia com a família comprar árvore de Natal.

Hoje ,  adolescente, vai sozinha , pois estava interessada na voz de North, o jovem vendedor de árvores. Ela tem um motivo: faz curtas de animação (tem um canal no youtube), e  a voz do vendedor muito lhe interessa.

Ela compra uma árvore, meio sem querer, com o pretexto de conversar com ele.

Conversando, descobrem que têm algo em comum: a vontade de ser livre e independente.

 

“Papai Noel por um dia”, narra a história do garoto Connos que insiste com o namorado, um  judeu, para se vestir de  Papai Noel para surpreender sua irmãzinha Riley.

Apesar de relutante, aceita o convite, porém, Lana,12 anos, irmã de Connos o surpreende colocando os presentes sob a árvore. Ela está prestes a estragar a surpresa,quando surge, inesperadamente,  na sala Riley.

Seria ela ousada o bastante para realizar seu desejo de afastá-lo do irmão por quem está apaixonado e destruir o sonho de Riley?

 

Em “Krampuslauf”, a autora narra uma  festa de ano-novo,em que  um garoto fantasiado de  Krampus, o companheiro demoníaco de Papai Noel, muda o rumo da história. “Era um evento beneficente, com chocolate quente…”  Tudo foi transformado em algo completamente diferente do verdadeiro espírito da Krampusnacht, que deveria servir para apavorar as pessoas.

Festa de gente rica como Roth  fazia, só que ele não sabia a origem da história

Penélope e os amigos (de escola pública) eram considerados marginais por Roth (ele a deixara por outra garota), então eles elaboram um plano para desmascarar Roth…   Conseguirão?

 

“Que diabo você fez, Sophie Roth”,  é a história de uma garota  de Nova York que vai estudar em uma Universidade do interior. Não se adapta  e sente-se uma estranha.

Ela precisa,de alguma forma mudar, pois é bolsista, e precisa estudar.

Os meses passam e chega a hora para voltar para casa. Dias antes de embarcar, conhece Roussel, um garoto  treinado para irritar.

Inicialmente, ela tira conclusões falsas sobre ele, mas descobre que ele é o único daquele lugar que a compreende…

 

“Baldes de cerveja e menino Jesus”  narra a história de Vaughn, um garoto  cuja infância problemática reflete negativamente em seu comportamento de adolescente.  Cresceu criando confusões por onde passava, rendendo a ele péssima reputação. Ele não se importa com isso, pois é o jeito que encontrou de chamar a atenção das pessoas .

Quando pôs fogo na igreja da cidade, foi condenado pelo juiz local a participar das encenações de Natal ao lado de Gracie, filha do pastor  Robinson, cuja igreja ele incendiara. A vida do jovem começa a mudar a partir daí.

Estaria Vaughn disposto a seguir as regras da convenção social?

 

“Bem-vindo  a Christmas, Califórnia” é a história de Maria que mora com a mãe em Christmas, cidadezinha abandonada. Depois da aula, trabalha no Christmas Café, lanchonete da mãe. Uma tarde, ao chegar ao trabalho ela se depara com o novo cozinheiro que vai revolucionar a confecção dos pratos  e conquistar o paladar dos exigentes  frequentadores   do bar.

Será que ele conquistará o coração da jovem?

 

“Estrela de Belém” é a  história de Hulda estudante de intercâmbio islandesa que está no aeroporto para embarcar para Nova York, onde mora Kend. Desiste, na última hora, e, para sua sorte, uma desconhecida se oferece para trocar de passagem. Lydia é seu nome.

Chegando ao destino, é recebida pela família de Kend. Ela procura fingir que é Hulda, mas só não engana a Kend, é claro.

Não tendo como fugir da família de Kend, ela vai esperar passar o Natal. Lydia tem, à frente, uma desafiadora história a ser revelada  para esclarecimento dos fatos.

 

“A garota que despertou o sonhador”—história de Neve uma garota órfã que foi abandonada na Ilha das Penas.  Já faz muitos anos. Agora é adolescente, triste e só depois que seus dois amigos morreram.

Conforme a tradição na Ilha, as garotas recebem presentes nos vinte e quatro dias que antecedem o natal.

Neve é triste, pobre e só; não ama ninguém e nem quer ser amada. Só espera coisas ruins(é chamada de comida de corvo). Quando ela recebeu o  primeiro presente do demoníaco pastor da ilha, ela se desesperou. Tentou fugir dele, mas foi impossível. Pediu a proteção do Sonhador cuja função é preservar o mundo.

Sonhou com ele dizendo-lhe que ia libertá-la  e exaltá-la.

Teria o Sonhador recursos para cumprir a promessa ?

A capa é linda e a diagramação agradável à leitura.

Capa, ficha técnica, sinopse

O presente do meu grande amor - Doze histórias de Natal

O presente do meu grande amor

Doze histórias de Natal

Organização de Stephanie Perkins

ISBN: 9788580576252
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 352
Encadernação: Brochura
Formato: 16 X 23 cm
Ano Edição: 2014

Sinopse

Se você gosta do clima de fim de ano e tudo o que ele envolve — presentes, árvores enfeitadas, luzes pisca-pisca, beijo à meia-noite —, vai se apaixonar por O’ presente do meu grande amor’. Nas doze histórias escritas por alguns dos mais populares autores da atualidade, há um pouco de tudo, não importa que você comemore o Natal, o ano-novo, o Chanucá ou o solstício de inverno.

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez

Previous Lançamentos @intrinseca
Next Drauzio entrevista Laerte - @LivCultura @cialetras

4 Comments

  1. 01/03/2015

    oi!
    É vdd. E nesse caso são autores que já conhecemos bem o estilo de cada um. Foi bem interessante ver a abordagem de cada um para o mesmo tema
    😉

  2. Leticia Ramos de Mello Oliveira
    28/02/2015

    Olá, Rosana!

    Eu comprei esse livro numa banca de jornal esses dias e até dei uma folheada na história de “Que diabos você fez, Sophie Roth?”, mas ainda não li nem o conto e nem o livro inteiro.
    Mas o bom dos livros coletânea é que cada autor tem uma visão sobre o tema central e cria história totalmente diferentes.

    Um abraço!

  3. Sandra Rivaldo
    26/02/2015

    Oi Ro este livro deve ser uma delícia de se ler em um dia chuvoso com uma xícara de chá e bolinhos kkkk.
    Vou colocar na minha lista de inverno.

  4. Any
    25/02/2015

    Oi, Rosana.
    Achei bem interessante lançaram um livro com doze contos de natal de vários autores… Existi uma época mais especial que essa?!
    De todos os doze contos gostei apenas de “Que diabos você fez, Sophie Roth” e “Baldes de cerveja e menino Jesus”. Também amei a capa, linda.
    Bjos,
    Elidiane.

Deixe um comentário! Quero saber o que achou do texto ;)