Olá!

Confira os lançamentos da @EditoraRocco

#Fantastica  #Fabrica231 #BicicletaAmarela e Jovem Rocco

adulto rocco

O livro da vida (Trilogia das Almas #3), de Deborah Harkness – Considerada pela crítica nos Estados Unidos “uma ponte entre Harry Potter, Crepúsculo e a série Outlander”, a Trilogia das Almas, de Deborah Harkness, chega ao fim com O livro da vida, uma perfeita fantasia para adultos, que alcançou o topo da lista dos mais vendidos do The New York Times em seu lançamento. Depois de A descoberta das bruxas e Sombra da noite, a autora entrega aos leitores informações surpreendentes sobre o manuscrito Ashmole 782 e sua conexão com bruxas, vampiros e demônios que vivem entre os humanos, além de selar o destino da cientista e bruxa Diana Bishop e do geneticista e vampiro Matthew Clairmontt, com sua bem-sucedida combinação de magia, história, amor e ciência.

Brochadas – Confissões sexuais de um jovem escritor, de Jacques Fux – “Tudo aqui é verdade, exceto o que não invento”, adverte Jacques Fux, em forma de epígrafe, em Brochadas. Em sua estreia na Rocco, o autor mineiro, ganhador do Prêmio São Paulo por seu primeiro romance, Antiterapias, mistura as fronteiras entre ficção e realidade para narrar uma “Ilíada da impotência”, remontando ao passado da humanidade e a suas próprias origens em busca de respostas culturais, biológicas, místicas, artísticas e etimológicas para o funcionamento ilógico do pênis. Ao lado da erudição, caminha um humor judaico surpreendente, que perpassa toda a narrativa, costurada pelas lembranças dos amores passados do protagonista e pelos e-mails trocados com suas ex-namoradas. Um romance original que joga com os conceitos de metalinguagem e autoficção e tece uma análise irônica do “eu” na literatura.

Lançamentos do selo Fábrica231:

Champagne Supernovas, de Maureen Callahan – Os anos 1990 mudaram radicalmente o mundo da moda. Em Champagne supernovas, a jornalista Maureen Callahan pega emprestado o título de uma canção da banda Oasis que também se tornou símbolo da época para mostrar como as noções tradicionais de beleza e estilo se transformaram neste período, dando lugar a novas formas de criar e consumir produtos. Focado nas histórias da modelo Kate Moss e dos estilistas Marc Jacobs e Alexander McQueen, o livro retrata o momento em que o alternativo virou mainstream, transformando-se em um grande negócio. Repleto de histórias de bastidores, o livro mostra o lado humano de três gênios rebeldes que se tornaram ícones da moda e retrata um período em que a cultura alternativa esteve em ebulição, com uma narrativa carregada de energia.

Os portões do Inferno (Lendas de Baldúria #1), de André Gordirro – Romance de estreia do jornalista André Gordirro e volume inicial da trilogia Lendas de Baldúria, Os portões do inferno reúne o melhor da fantasia épica: guerreiros, magos, monstros, fortalezas, cenários fabulosos e combates sangrentos. Tendo à frente um improvável time de protagonistas – verdadeiros párias que, por acaso, ganham a chance de salvar o mundo de uma tropa de svaltares, estranhos e temidos elfos das profundezas –, o livro junta referências históricas e bíblicas a alegorias da sociedade contemporânea e um alto teor de cultura pop. Com origem direta no RPG, o livro é um bem-vindo cruzamento entre Os doze condenados e O Senhor dos Anéis de ritmo ágil, cheio de reviravoltas e com senso de humor apurado.

 

Lançamentos do selo Bicicleta Amarela

A sabedoria de Gandhi, de Homer A. Jack (org.) – Mais de meio século após a sua morte, as ideias de Gandhi continuam válidas e sua influência é evidente no cenário político internacional – de Nelson Mandela a Barack Obama, vários líderes mundiais afirmaram ter sido inspirados, direta ou indiretamente, pela filosofia da ahimsa (não violência) do Mahatma. Em A sabedoria de Gandhi, o biólogo, teólogo e pacifista Homer A. Jack reúne a essência do pensamento de Gandhi em diferentes áreas, como a igualdade de direitos entre homens e mulheres e entre as diferentes classes sociais, a liberdade religiosa, a necessidade de uma melhor distribuição de renda no mundo e o uso da política como instrumento de libertação e conciliação, mostrando sua força e atualidade.

jovem rocco

Rocco Jovens Leitores

Fala sério, irmão! / Fala sério, irmã!, de Thalita Rebouças  – Fenômeno da literatura juvenil nacional com mais de 1,5 milhão de livros vendidos, Thalita Rebouças volta a sua série de maior sucesso com Fala sério, irmão! e Fala sério, irmã!, em que aborda a relação da protagonista Malu com seus dois irmãos mais novos. Em edição especial, o livro duplo pode ser lido de ponta-cabeça: de um lado estão as crônicas que mostram a convivência de Malu com o irmão do meio, Mamá; do outro, as histórias centradas na relação com a caçula Malena. Em todas elas, Thalita mostra, com seu bom humor habitual, as delícias e as agruras da vida em família, com direito a momentos hilários e outros emocionantes, brigas e confidências com os quais leitores de várias idades vão se identificar.

A arte de ser normal, de Lisa Williamson – David Piper tem 14 anos e um desejo: “Quero ser uma menina”. Mas este é um segredo que ele compartilha apenas com Essie e Felix, seus únicos amigos, pelo menos até a chegada de Leo Danton à escola Parque Éden. Apesar de muito diferentes e cada um guardando um segredo próprio, David e Leo iniciam uma profunda amizade, que é a base do elogiado romance de estreia da atriz e escritora britânica Lisa Williamson. Com diálogos engraçados e relatando situações cotidianas na vida de adolescentes, a autora consegue abordar a delicada e muito atual questão da identidade de gênero de maneira leve e nada apelativa, numa narrativa que conquista o leitor da primeira à última linha. 

Circus Maximus – os Guardiões da História, de Damian Dibben  – Circus Maximus é o segundo volume da série Os Guardiões da História, do britânico Damian Dibben, repleta de referências históricas e viagens no tempo. Em sua nova jornada, Jake Djones, Nathan Wylder e Charlie Chieverley mais uma vez são responsáveis por salvar o curso da história, e depois de uma desastrada missão na Suécia do século XVIII devem voltar ao ano 27 d.C. e capturar Agata Zeldt, “a mulher mais cruel da história”. Da fria e nevada Suécia ao esplendor do Império Romano, Circus Maximus prende o leitor no centro de uma aventura eletrizante e na companhia de personagens cativantes e carismáticos.

 

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez