Olá!

Confira a resenha do livro A aprendiz  do amor , de Ricardo Orestes Forni

É um livro cuja história singular e emocionante contém ensinamentos e, ao mesmo tempo, respostas aos mistérios para os tormentos da vida terrena.  Leva-nos a repensar nossos valores e o  sentido desta vida.

É a história de Angélica, cujo pai, um rei temperamental e egoísta que não se conforma com a visão de mundo da filha, longe de atender às expectativas da corte real.

Aos 16 anos, ela começa a questionar as diferenças sociais baseadas nas visitas aos domínios palacianos.

“Meu Deus, não consigo entender o que contemplo no interior do castelo e aquilo que encontro fora dele.”

Ao compartilhar suas dúvidas com o pai, é repreendida.

Pede a Deus, em oração, para entender as injustiças da terra, e algo inesperado acontece: ela passa a ver durante o sono, uma pessoa especial que, sabiamente, lhe transfere, aos poucos, ensinamentos do plano superior.

Angélica começa a se realizar auxiliando os necessitados , contra a vontade do monarca.

Dedica-se ao bem, orientada pela espiritualidade com quem mantém contato frequente.

“O trabalho no bem importuna a consciência dos que jazem parados pelos caminhos da vida, quer seja no corpo ou fora dele. Decidindo por continuar, deve se preparar para receber a incompreensão de todos os que preferem a indiferença pela dor alheia…”

Não faltam conflitos e equívocos por parte dos nobres, porém Angélica dedica-se aos menos favorecidos com amor incondicional.

Ela encontrou o verdadeiro sentido para a vida aqui, enquanto escola, rumo ao aperfeiçoamento do espírito.

 

Capa, ficha técnica, sinopse

aprendiz-amor

A aprendiz do amor

Ricardo Orestes Forni

ISBN: 9788572532990
Editora: Petit
Número de páginas: 192
Encadernação: Brochura
Formato: 16 X 23cm
Ano Edição: 2015

Sinopse

Numa época medieval, Angélica é uma princesa que vive rodeada de luxo e riqueza, porém, pouco se importa com o conforto do qual desfruta em seu castelo. Sua maior preocupação é com os pobres que vivem às redondezas do castelo. Ao conhecer o humilde jardineiro Antônio, Angélica passa a questionar seus privilégios em relação ao povo que mora fora do castelo. Porém, seu pai, um rei poderoso e egoísta, não se conforma com as atitudes humanistas da filha. Ajudado pela serviçal da filha, uma jovem gananciosa, o rei se vinga, mandando prender o jardineiro e expulsando a filha do palácio.

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez

 

Compre o livro no site da editora