Em “a arte de pedir”, Amanda Palmer desnuda sua alma mostrando-se completamente num relato autobiográfico sem medo de expor suas crenças e suas fraquezas. A proposta do livro veio depois de seu sucesso no Ted Talk, que já conta com mais de 7 milhões visualizações (pelo site oficial) e permite levar suas ideias além dos 12 minutos concedidos pelo evento.

Em ambas situações, o ponto principal é mostrar como Amanda conseguiu um recorde incrível numa plataforma de crowdfunding arrecadando mais de um milhão de dólares com o apoio dos fãs para produzir seu álbum de forma independente. Porém, ao fazer isso, ela revela sua incrível fé na humanidade e no poder das conexões humanas baseadas no afeto, no amor e na confiança.

A artista performática e irreverente mostra-se mais humana que muita gente considerada “normal”, e revela que o sucesso está muito além dos planos de marketing e números de vendas. Suas aventuras são narradas como se estivéssemos participando de um sarau moderno, todos sentados em almofadas no chão, tomando vinho, enquanto Amanda fala das suas conquistas, seus medos, suas mágoas e até das ameaças que sofreu. É bem verdade que em alguns momentos essas narrativas se tornam cansativas e muito repetitivas. Mas tome mais um gole de vinho e siga em frente.

Ela não poupa nem suas relações mais íntimas: com seu marido Neil Gaiman, e seu melhor amigo Anthony. Toda essa exposição nos deixa mais próximos da autora ao final, dá vontade de pedir autógrafo, tirar selfie com ela e ainda usar a hashtag #AmandaPalmerMudouMinhaVida. Sim, porque aprender a pedir é, acima de tudo aprender a se relacionar; é romper padrões e preconceitos. E esse tipo de aprendizado é capaz de mudar uma vida.

Confira aqui o Ted

Capa, ficha técnica, sinopse

amanda-palmer

A arte de pedir

Amanda Palmer

ISBN: 9788580576894
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 304
Encadernação: Brochura
Formato: 16 x 23 cm
Edição: 2015

Sinopse

Cantora e compositora, ícone indie, feminista, mulher de Neil Gaiman, agitadora e mobilizadora de multidões online – Amanda Palmer é um retrato perfeito da boa conexão entre o artista e seu público. Após desligar-se de sua gravadora, Amanda recorreu ao então recém-lançado Kickstarter, site de financiamento coletivo, para conclamar os fãs a colaborar financeiramente para a produção do próximo álbum de sua banda. O projeto arrecadou mais de 1 milhão de dólares, recorde que chamou atenção tanto da imprensa como da indústria fonográfica. Desse episódio surgiu o convite para uma celebrada palestra nos TED Talks. O tema – saber pedir. Desdobramento inevitável da palestra homônima, o livro A arte de pedir trata essencialmente de recorrer ao outro, sem temor, sem vergonha e sem reservas. Por que não pedimos ajuda, dinheiro, amor, com a mesma naturalidade com que pedimos uma cadeira vazia num restaurante ou uma caneta, na rua, para fazer uma anotação? Pedir é digno e necessário, e é a conexão entre quem dá e quem recebe que enriquece a vida humana, defende Amanda. Longe de ser um manual sobre como pedir, o livro é uma provocação bem-vinda e urgente, que incita o leitor a superar seus medos e admitir o valor de precisar e doar ajuda, sempre.

Glau Gimenes

Compre o livro em

Submarino

Amazon

Saraiva