Avaliação

Uma febre misteriosa deixou sequelas permanentes em toda uma população de jovens. Chamados de malfettos, alguns deles desenvolvem poderes especiais - controlam vento, fogo e até humanos - e se unem em sociedades secretas. Para alguns, esses Jovens de Elite são heróis que salvam inocentes em situações desesperadoras. Para a Inquisição, os sobreviventes da praga são monstros marcados com poderes demoníacos e devem ser levados à justiça.

8.5
Nota

Por Ana Carla

Confira a resenha do livro Jovens de Elite escrito por Marie Lu.

Primeiro volume da nova série de mesmo nome, da mesma autora da trilogia Legend. É uma trama de fantasia ambientada na era medieval, onde temos jovens que adquiriam poderes após a doença.

Conhecida como febre do sangue, a devastadora doença dizimou boa parte da humanidade, e os sobreviventes desenvolveram estranhas cicatrizes ou mudanças no corpo, e alguns raros desenvolveram também, poderes especiais. As crianças que sobreviveram e ficaram marcadas pela doença, são chamadas de malfettos e são um estigma para a sociedade. E aqueles que desenvolveram poderes especiais, se mantém na clandestinidade e são chamados de Jovens de Elite.

Adelina Amouteru é uma sobrevivente da febre do sangue, e além de perder o olho para a doença, ainda ficou com os cabelos prateados, tornando-se uma vergonha para o pai. Após se rebelar contra o destino imposto a ela por seu pai, encontra um novo lar na sociedade secreta Jovens de Elite, vista por alguns como um grupo de heróis, por outros como seres com poderes demoníacos.

Heroína ou vilã? Num mundo perigoso no qual magia e política se chocam, Adelina descobre o lado sombrio de seu coração.

Teren Santoro trabalha para o rei e como líder da Inquisição, tem como função caçar os Jovens de Elite. Ele acredita que todos os jovens são um perigo e devem ser exterminados, mas esconde um segredo mais obscuro que todos.

Enzo Valenciano é um membro da Sociedade dos Punhais, e busca jovens com poderes para salvá-los antes que a Inquisição os encontre. Mas quando conhece Adelina, descobre que os poderes da jovem são algo que nunca viu na vida.

Adelina quer sobreviver e por isso aceita ingressar aos Jovens de Elite. Tentando manter a salvo a irmã mais nova, ela se afasta da sua casa e procura aprender mais sobre seus poderes. Mas uma escuridão vingativa habita em seu coração que pode colocar a perder tudo o que conhece.

Mais uma vez, Marie Lu me conquista com sua narrativa, mesclando aventura e suspense do começo ao fim, em uma trama ambientada no período medieval, mas que lembra história moderna. A trama é envolvente, e não tem como não lembrar um pouco dos X-Men. Claro que são em épocas diferentes e até a origem dos poderes não é igual, mas o fato deles precisarem viver escondidos e serem caçados, fez com que eu lembrasse do filme/quadrinhos.

Adelina é uma jovem com um poder único, mas não sabe como usá-lo. E isso faz com que ela se torne inconstante para o grupo. Como quer proteger a irmã, acaba confiando nas pessoas erradas e levando o perigo para quem não deve. A autora ainda trouxe um leve romance na história, mas não se preocupem que não é o foco da história. Foi apenas para introduzir a intensidade dos sentimentos da jovem, e o quanto ela pode trazer de perigo aos seus.

O volume termina naquele momento onde o leitor já está quase terminando de roer todas as unhas, e precisa urgentemente da continuação. Jovens de Elite é um início promissor para uma trama de fantasia recheada de muita emoção e aventura. Agora só nos resta aguardar a publicação do próximo volume para saber o que acontece aos personagens.

Capa, ficha técnica, sinopse

 

jovens de elite

Jovens de Elite

Marie Lu

ISBN: 9788579802638
Editora: Rocco
Número de páginas: 304
Encadernação: Brochura
Formato: 14 X 21 cm
Ano Edição: 2016
Tradução: Rachel Agavino

Sinopse

Uma febre misteriosa deixou sequelas permanentes em toda uma população de jovens. Chamados de malfettos, alguns deles desenvolvem poderes especiais – controlam vento, fogo e até humanos – e se unem em sociedades secretas. Para alguns, esses Jovens de Elite são heróis que salvam inocentes em situações desesperadoras. Para a Inquisição, os sobreviventes da praga são monstros marcados com poderes demoníacos e devem ser levados à justiça. Para Adelina, expulsa de casa após a doença, significa finalmente ter encontrado seu lugar no mundo. Mas ela logo percebe que não é uma heroína, que seus poderes são alimentados por medo e ódio e podem acabar trazendo uma era de pânico a esse mundo onde política e magia se chocam de maneiras surpreendentes… e aterrorizantes.

Boa leitura

Ana Carla

do Histórias sem fim