Stephenie Meyer – Sol da meia-noite #resenha @intrinseca


Vampiros e vampiras que brilham no escuro! Se você chorou com a saga Crepúsculo – e não importa o que dizem os críticos – e sempre quis ser ou possuir o Edward, este é o seu momento! A Intrínseca acaba de trazer ao Brasil Sol da Meia-noite, de Stephenie Meyer, que conta o início da saga sob o prisma de Edward Cullen; vivido por Robert Pattinson nos cinemas.

Antes de começar as mais de 700 páginas dessa nova-velha história, vale lembrar que tão frequentes quanto os fãs de Crepúsculo, são os seus detratores, então, de verdade, você gosta da saga? Se não gosta, nem perca seu tempo; e por melhores que sejam suas intenções de enriquecimento cultural, não aposte, nesse caso, que uma nova abordagem possa renovar seu interesse pela série. Sol da Meia-noite é um livro da Série Crepúsculo, que mantém a temática, o estilo, a história, os personagens e, consequentemente, o público. Porém, se você já for um fã, prepare-se para reviver e até renovar todas as emoções vividas, pois essa nova obra permite um mergulho ainda mais profundo nas emoções de Edward.

É importante – embora óbvio para os fãs – ressaltar que o vampiro é telepata, o que o faz ser frequentemente atormentado pelos pensamentos de pessoas à sua volta, e nesse novo livro o potencial desse fato é finalmente explorado como poderia, enriquecendo o personagem, justificando e explicando ações e criando um personagem ainda maior e mais carismático do que aquele que conquistou corações mundo afora.

Assim, considero Sol da Meia-noite mais um grande acerto dessa franquia, apostando na fórmula que deu certo e aproveitando ganchos pontas deixadas na saga original. Críticas sempre vão haver, mas, afinal, o livro foi escrito para seus fãs ou para críticos que sequer gostam da história?

Lançamento no Brasil foi simultâneo ao mundial no dia 4 de agosto de 2020. E recebemos o livro em seguida.

Capa, ficha técnica, sinopse

Sol da meia-noite

Midnight Sun

Stephenie Meyer

ISBN: 9786555600292
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 736
Encadernação: Brochura
Formato: 16 x 23 cm
Edição: 2020

Sinopse

Um dos maiores fenômenos editoriais dos últimos tempos, a saga Crepúsculo narra a icônica história de amor de Bella Swan, uma garota tímida e desastrada, que acaba de mudar de cidade, e Edward Cullen, um rapaz misterioso que esconde um segredo aterrorizante: é um vampiro. Desde a primeira troca de olhares, ele fez tudo para ficar longe dela, mas e se as coisas não tiverem acontecido exatamente assim?

Até agora, os leitores conheceram essa trama inesquecível apenas pelos olhos de Bella. No aguardado Sol da meia-noite, vamos testemunhar o nascimento desse amor pelo olhar de Edward, mergulhando em um universo novo, sombrio e surpreendente, cheio de revelações.

Conhecer Bella foi o que aconteceu de mais irritante e instigante em todos os anos de Edward como vampiro. À medida que conhecemos detalhes sobre seu passado e a complexidade de seus pensamentos, conseguimos entender por que Bella se tornou o eixo central de uma batalha decisiva em sua vida. Como Edward poderia seguir seu coração se isso significava colocar a amada em perigo? Do que ele seria capaz de abrir mão?

Em Sol da meia-noite, Stephenie Meyer faz um retorno triunfal ao universo de Crepúsculo e nos transporta mais uma vez para Forks, convidando-nos a revisitar cada detalhe dessa história que conquistou milhões de fãs em todo o mundo. Em meio a uma paixão cercada de perigos sobrenaturais, vamos descobrir como Edward encara seus prazeres mais profundos e as consequências devastadoras de um amor proibido e imortal.

Compre o livro na Amazon

Livro recebido pela parceria com a editora
Previous Ray Bradbury - Prazer em queimar : histórias de Fahrenheit 451
Next Erich Maria Remarque - Nada de novo no Front

No Comment

Deixe um comentário! Quero saber o que achou do texto ;)