Paula Pimenta – Princesa das águas @GaleraRecord #resenha


paula-pimenta-princesa

Olá!

Confira a resenha do livro Princesa das águas da autora Paula Pimenta. Uma releitura da história da Pequena Sereia. Publicada pela Galera Record. Faz parte da Coleção Princesas por Paula Pimenta.

Arielle, quando pequena, queria ser cantora, porém, aos seis anos descobriu que seu pai chorava ao vê-la cantar, pois sentia saudades de sua mãe, que já se fora. Ela tinha sido cantora. A voz de Arielle era igual a dela. Suas irmãs mais velhas seguiram a carreira musical e ela trocou esse sonho pela natação.

“E eu realmente não queria magoá-lo, fazendo com ele se lembrasse de minha mãe.. Troquei os palcos  pelas piscinas, os holofotes pelas raias, as melodias pelos treinos e os perfumes pelo constante cheiro de cloro.”

Aos dezesseis anos, com muito treino e disciplina, ela se torna famosa. Participa de competições e torneios e vence sempre. Recebeu um apelido carinhoso do público “Princesa das águas” por conta de seu talento.

Arielle sonha com uma vida diferente, mais livre, menos protegida pelo pai e pelas irmãs, longe dos repórteres, com a sensação boa de liberdade podendo fazer o que todo adolescente gosta de fazer, sair à noite, etc.

Antes dos 17 anos, ela tem à frente o maior desafio de sua vida que é participar das Olimpíadas no Brasil. Ela é , segundo a opinião pública, uma das favoritas  a conquistar a medalha de ouro. Ela segue com o esquema rígido de treinos diários, sem liberdade para se divertir, e sempre controlada por seu técnico Sebastião e pelo pai.  Eventos sociais, nem pensar…

Porém uma noite, convidada por uma nadadora, vai à uma festa e acaba se envolvendo em um acidente com o tenista Erico. Mal sabe ela que, a partir dessa noite, sua vida vai mudar para sempre.

“Ontem à noite um acidente marcou a confraternização  final do Grand Prix de Zurique. As circunstâncias do acidente ainda não foram esclarecidas, mas, segundo Erico, que passa bem, ele teria sido salvo por uma garota. Se ela não tivesse me tirado da piscina, eu, provavelmente, teria morrido afogado.”

“Não sei se na verdade ela é um anjo…ou uma sereia. Lembro que cantou para que eu ficasse acordado”.

Muitos acontecimentos e reviravoltas surgem no desenrolar da trama que nos leva a compartilhar com Arielle  suas emoções e sentimentos.

Ela aprende muitas coisas que a deixarão mais forte, e o destino traz para sua vida tudo o que nunca imaginou encontrar… a paixão de sua vida. Será  ela é capaz de lidar com a avalanche de sentimentos que virão?

A capa é uma graça. Diagramação agradável à leitura. recomendo.

Capa, ficha técnica, Sinopse

paula pimenta

Princesa das  águas

Paula Pimenta

ISBN:9788501075727
Editora: Galera Record
Número de páginas: 368
Encadernação: Brochura
Formato: 14 X 21 cm
Ano Edição: 2016

Sinopse

Uma releitura da história da Pequena Sereia, com a marca de Paula Pimenta, uma das mais importantes autoras brasileiras da atualidade.

Arielle Botrel é uma nadadora famosa, prestes a viver o maior desafio de sua vida: participar das Olimpíadas pela primeira vez. Porém, ao contrário do que todos pensam, ela não possui tudo que deseja. Por ser a filha caçula de uma grande família, a garota é muito protegida e, apesar das medalhas e dos troféus, sonha com uma vida diferente, onde possa ser livre. Até que um dia um acidente faz tudo mudar. Arielle é apresentada a um mundo diferente… E nele existe alguém que vira sua vida de cabeça para baixo. Porém, para conquistá-lo, ela terá que abrir mão de sua voz. Será que Arielle vai conseguir conquistar esse príncipe sem palavras? E se no coração dele já existir outra princesa?

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez

Previous Lançamentos @harlequinbrasil janeiro 2017 
Next BASTIDORES LITERÁRIOS - Um Dos Problemas Que Mais Acaba Com Mercados Emergentes

2 Comments

  1. 01/02/2017

    Camis, é bem fofo esse livro. Os livros da Paula Pimenta sempre são 🙂

  2. Oi, Rô.
    Preciso ler esse livro com urgência.
    Eu adoro os livros da autora e essa coleção está ótima!
    Beijos
    Camis

Deixe um comentário! Quero saber o que achou do texto ;)