Sofia Lundberg – A caderneta de endereços vermelha


Olá!

Confira a resenha do livro A caderneta de endereços vermelha, da autora Sofia Lundberg. Publicado pela editora Globo.

Doris, 96 anos, vive só em um apartamento em Estocolmo. Na infância, recebe do pai uma caderneta de endereços vermelha.

 Nós a conhecemos, revivendo com ela sua jornada de superação, baseada em anotações de memórias e impressões emotivas, lugares, alegrias e nostalgias, encontros e desencontros…tudo registrado na velha caderneta. Ali marca muitos nomes, nomes riscados das pessoas que já se foram. Há momentos intensos de um amor perdido no tempo. Todos se foram. Será mesmo?

São muitos os desejos da vida, por vezes dolorosos, necessários de uma dose de coragem para seguir em frente.

O livro intercala, graciosamente,  passado e presente. Com a saúde frágil, Doris compartilha, via chamadas de vídeo, com a neta Jenny, dos EEUU, anotações de todas as pessoas que conheceu e amou.

Ela faz uma releitura de cada emoção vivida através das páginas da velha caderneta. É uma mistura de passado (infância) e presente difíceis de esquecer. Ela vê o amado como um borrão.

“Há muitos eventos para lembrar, tantas pessoas, agora mortas, que significaram tanto para ela. Os nomes  de sua caderneta de endereços—pessoas que, de passagem, deixaram sua marca, ganham nova vida para Doris

 Observamos, entrelinhas, o caminho traçado para a superação.

O livro fala de uma mulher forte, corajosa e determinada a vencer, embora emocionalmente marcada por acontecimentos adversos.

Leva-nos esta história, a momentos de reflexão sobre as experiências do dia a dia que moldam nosso modo de ser, pensar e viver e entendendo tudo isso podemos buscar estratégias de superação. Repensar sobre as expectativas em relação ao futuro é importante.

Sinopse

Doris é uma senhora que vive sozinha em seu apartamento em Estocolmo e tem apenas a companhia de Jenny, uma sobrinha-neta que mora nos Estados Unidos, com quem faz chamadas de vídeo semanais que lhe dão muita alegria.

Doris carrega uma caderneta de endereços que ganhou do pai ainda menina e guarda nela os dados de todas as pessoas que conheceu e amou ao longo da vida. Ali ela também registra diversas histórias de seu passado e passa a dividi-las com Jenny para, quem sabe, ajudá-la a superar uma infância difícil. Suas histórias se confundem com os principais acontecimentos do século XX e fazem com que Doris se recorde do homem que foi o grande amor de sua vida e parece estar perdido para sempre. O que ela não espera, entretanto, é que o momento mais importante de sua vida ainda está por vir.

A caderneta de endereços vermelha é um romance poderoso e apaixonante sobre as surpresas que a vida nos reserva e também sobre o poder das histórias que carregamos e a importância de transmiti-las para as próximas gerações.

Compre o livro na Amazon

Livro recebido pela parceria com a editora.

Previous Kurt Vonnegut - Piano mecânico #resenha @intrinseca
Next Os 7 de chicago #filme @netflixbrasil

1 Comment

  1. Oi, Rô.
    Ainda não conhecia esse livro, mas fiquei curiosa para ler!
    beijos
    Camis – blog Leitora Compulsiva

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *