Avaliação

O autor descreve Dublin de forma rica num inverno rigoroso e mostra uma sociedade com divisão de classes. Rastros na neblina é tão bem escrito quanto os anteriores da série. É permeado com um mix de hipocrisia, racismo, religião, sexo, segredos, família e um protagonista problemático, alcóolatra, que tem de lidar com seu vício, a dificuldade de se relacionar com as mulheres de sua vida, mas ainda assim assim arruma tempo para um caso com a atriz Isabel e comprar um carro, um Alvis Coupe. Quanto a April, ela continua sombria e indescritível, até para Phoebe. Será que ela realmente conhecia a amiga?

9
Nota

Olá!

Confira a resenha do livro Rastros na neblina do autor Benjamin Black- pseudônimo do premiado escritor irlandês John Banville.

Com descrições primorosas, Rastros na neblina é p terceiro livro da série protagonizada pelo patologista Garret Quirke. Ambientada em Dublin dos anos 1950 e com ambiente noir, a história já começa com Quirke saindo da reabilitação e Phoebe, sua filha, pedindo que ele veja o que pode ter acontecido com sua melhor amiga April Latimer, uma jovem médica que desapareceu. Ou só April indo embora sem contar para ninguém.

A rica e proeminente família de April não parece tão preocupada com o desaparecimento. Ela levava uma vida desregrada e considerada a ovelha negra da família. Seu tio Ministro não quer publicidade ou escândalos associados ao nome da família que parece mais preocupada com isso do que com o desaparecimento.

Quirke também cruza com o jornalista Jimmy, a atriz Isabel, o estudante negro, Patrick que tem que enfrentar preconceito e tem seus próprios segredos.

Mesmo a família não querendo, Quirke vai procurar saber o que houve. Encontra seu amigo o inspetor Hackett e eles encontram traços de sangue no apartamento de April.

Quirke está se envolvendo numa trama cheia de segredos e mentiras.

O autor descreve Dublin de forma rica num inverno rigoroso e mostra uma sociedade com divisão de classes. Rastros na neblina é tão bem escrito quanto os anteriores da série. É permeado com um mix de hipocrisia, racismo, religião, sexo, segredos, família e um protagonista problemático, alcoólatra, que tem de lidar com seu vício, a dificuldade de se relacionar com as mulheres de sua vida, mas ainda assim assim arruma tempo para um caso com a atriz Isabel e comprar um carro, um Alvis Coupe.

Quanto a April, ela continua sombria e indescritível, até para Phoebe. Será que ela realmente conhecia a amiga?

O desfecho acontece com em um filme, num insigth de Quirke. Nem tudo é esclarecido, assim como não dá para se ver Rastros na Neblina. Recomendo!

A capa é bem bonita, remete ao conteúdo da trama, a diagramação e papel são agradáveis à leitura.

Já publicados pela Rocco

  1. O Pecado de Christine
  2. O Cisne de Prata
  3. Rastros na neblina

 

Capa, ficha técnica, sinopse

rastros neblina

Rastros na neblina

Elegy for April

Benjamin Black

ISBN: 9788532529626
Editora: Rocco
Número de páginas: 304
Encadernação: Brochura
Formato: 16 X 23 cm
Ano Edição: 2015
Tradução: Ryta Vinagre

Também em eBook

Sinopse

Quando Phoebe Griffin, ainda angustiada pelos horrores do seu passado, é incapaz de obter notícias sobre a amiga April, seu pai, Garret Quirke, recém-saído de uma clínica de reabilitação, resolve ajudá-la. Phoebe, Quirke e o inspetor Hackett logo percebem que pode haver algo mais por trás da discrição e do sigilo que cercam a jovem. Por que teria April se afastado da família, os Latimer, figuras proeminentes da cidade? O que esconde o círculo fechado de amigos a que pertencem Phoebe e April? E quem é a figura que parece vigiar o apartamento de Phoebe à noite, através da névoa gelada? Enquanto Quirke é distraído por uma jovem e bela atriz, Phoebe observa, impotente, a família de April abafar seu desaparecimento com medo de um escândalo, e todas as pistas possíveis secar, exceto uma, que ela nem suporta considerar. Com ritmo impecável, Benjamim Black cria uma trama compacta, personagens sedutores e ambientação evocativa. Rastros na neblina é uma história repleta de choques e surpresas.

 

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez

 

Participe do TOP Comentarista!