tempo-desconjuntado

Olá! Confira a resenha de O tempo desconjuntado, de Philip K. Dick, publicado pela Suma de Letras. O ano é 1959 e Ragle Gumm vive no subúrbio de uma tranquila cidade americana. Para ganhar a vida ele há mais de três anos ele utiliza uma estranha capacidade de analisar dados aparentemente não corelacionados para ganhar …

1 781
bastidores-29-8

Como após os resultados da Bienal deste ano, que efetivamente bateu o recorde de vendas do evento, com um gasto médio por pessoa de R$ 161,57, muita gente começou a desdenhar da crise no mercado editorial, dizendo que era só uma ilusão, neste artigo do Bastidores Literários eu resolvi comentar a respeito da questão. Até …

2 775

Dia destes eu presenciei uma discussão em que as pessoas apresentavam os livros que todo mundo gostavam e elas não. O interessante foi que o mediador pediu respeito a quem indicava os livros que não gostava, assim como das pessoas que defendiam os livros que gostavam. E por que isso? Porque o fato de alguém …

0 758

Continuando o assunto, do qual se tem muito que falar a respeito, nesta segunda parte do artigo eu comentarei a respeito de uma das grandes questões da adaptação do RPG para literatura que é a verossimilhança, dando alguns exemplos com base no que já foi colocado anteriormente. O primeiro ponto são os personagens. Como eu …

0 760

Parece que certos assuntos sempre voltam à tona. Esta semana o que retonou foi a influência do RPG na literatura. Cá estava eu, trabalhando, quando surgiu uma mensagem de um escritor que queria transformar sua aventura de RPG em literatura. Para variar, como o assunto é interessante e pode ser uma dúvida de mais pessoas, …

0 766
img_8930

Esta semana eu comecei a releitura do clássico A mão Esquerda da Escuridão quando vi que nesta versão do livro, pois minha primeira leitura havia sido em inglês, tinha não só uma, mas duas introduções. Uma feita pela autora, Úrsula K Le Guin e outra por ninguém menos do que o escritor Neil Gaiman. Como …

1 763
img_8633

Recentemente eu estava conversando com um grupo de profissionais do mercado e o assunto era “por que as grandes editoras nacionais preferiam gastar mais comprando best-sellers ao invés de realmente apostar nos escritores nacionais?” Na realidade eu mesmo já critiquei inúmeras vezes os editores nacionais dizendo que eles estão mais compradores de direitos do que …

0 762
sonhos-eletricos

Os contos que inspiraram a série de tv Electric Dreams. Olá! Confira a resenha do livro Sonhos Elétricos, de Philip K. Dick. O que dizer de Philip K. Dick? Além de ser um dos mais notórios nomes no meio de Ficção Científica, é um dos, senão o autor de gênero mais adaptado por Hollywood, com sucessos …

0 769
post20-6

A semana já começou agitada para o mercado editorial quando o Publishnews apresentou um artigo comentando a respeito do pedido falência de um fornecedor à Saraiva por uma dívida de aproximadamente R$ 60 mil. Para saber mais – veja aqui. Na realidade a própria Saraiva indicou no final de maio haver fechado o primeiro trimestre …

0 811

Essa semana eu estava conversando com outros profissionais do meio literário/editorial a respeito de uma leitura crítica que estou fazendo e diversos tópicos terminaram surgindo e um dos mais importantes, tanto que resolvi comentar a respeito aqui no Bastidores Literários, foi a dúvida: PARA QUEM VOCÊ ESTÁ ESCREVENDO? Apesar de a maioria dos escritores responder …

0 777