Avaliação

Uma deliciosa mistura de Comer, rezar, amar, Um ano na Provence e Sob o sol da Toscana.

9
Nota

Olá!

Confira a resenha do livro Piquenique na Provence, da autora Elizabeth Bard.

Recebi o livro pela parceria da editora Rocco

Adoro gastronomia, sou chef amadora e fico fascinada com livros que tenham algo relacionado com isso, que relatam alguma experiência na área e principalmente tendo a França na história, no caso desse livro a belíssima Provence.

Os franceses, de modo geral, não diria que não gostam de estrangeiros, mas eles são um tanto refratários e cheio de tradições.

Elizabeth uma nova-iorquina, jornalista e escritora vai com o marido Gwendal, executivo francês, a Céreste passar dez dias durante o feriado de Páscoa.

Céreste (parte simples da Provence)é uma cidadezinha de 1300 habitantes. Esse passeio é a realização de um sonho de criança.

“Não viemos para ficar. Não tínhamos nenhuma intenção, além de alguns dias de sol…”

Na pousada em que estavam hospedados descobrem que ali perto viveu René Char um poeta francês muito admirado por Gwendal.

“Durante a Segunda Grande Guerra ele foi um líder da Resistência  francesa, recebendo armamentos de Londres lançados de paraquedas e escondendo armas, refugiados e jovens franceses que recusavam o serviço obrigatório na Alemanha.”

Fascinados, compram a casa e decidem mudar-se para lá. Elizabeth que estava acostumada com a praticidade da vida americana, deparar-se com as referências culturais da França, seria um obstáculo. Teria que se adaptar ao cotidiano francês onde a boa mesa é fundamental. Ao ir para Provence é uma opção de vida em que  ela abre mão de tudo o que imaginara para ela e a família, mas ia amar a vida que compartilharia nesse lugar.

“Há ocasiões em que a estrutura, a rigidez, os aspectos tradicionais da vida francesa são um tédio. Mas, no que se refere a comer de forma saudável, é, na verdade muito útil.”

Tudo o que Elizabeth sonhara aos 22 anos estava se transformando com a vida na França.  Mas ela gosta do que faz, e o sucesso ali tem um significado diferente: a qualidade de vida é boa e o estar com a família é importante.  Seu filho nasce e ela aprende os desafios da maternidade.

“O que realmente gosto a respeito de estar em Céreste são os dias, a maneira como o tempo flui tranquilamente diante de nós, como as suaves elevações dos campos.”

Hoje ela tem outros valores como parâmetros de vida. Ela sempre pensava no futuro, mas ficar em Céreste aprende com os vizinhos a celebração diária  da  vida e, a cada aprendizado de sobrevivência ali no vilarejo, ela prepara os pratos típicos, cujas receitas são explicadas detalhadamente.

Assim começa a iniciação da americana na cozinha clássica da Provence.

“Ela diz:  tudo, tudo o que quero está bem aqui.”

Seu marido recebe nova oferta de trabalho, mas teria que deixar Céreste. Ao recusar, acabam descobrindo uma nova paixão — Negócio de sorvetes.

Um negócio familiar. O local está escolhido…

Com várias referências , receitas, descrições dos locais e experiências, a autora nos faz mergulhar na vida em Céreste. Um livro para se apreciar.

Capa linda e diagramação agradável à leitura. Recomendo.

Capa, ficha técnica, sinopse

provence

Piquenique na Provence

Uma história de vida com receitas

Elizabeth Bard

ISBN:9788568696262
Editora: Rocco – Bicicleta Amarela
Número de páginas: 400
Encadernação: Brochura
Formato: 14 X 21 cm
Ano Edição: 2016
Tradução: Geni Hirata

Sinopse

Há dez anos, a nova-iorquina Elizabeth Bard seguiu um atraente francês por uma escada em espiral para o amor no coração de Paris. Agora, com um bebê a caminho, ela tem certeza de que encontrou seu lugar definitivo: a pequena vila provençal de Céreste. Apaixonados pela história do lugar, o casal resolve se mudar – de mala e cuia e Le Creuset – para a zona rural francesa e abrir uma loja de sorvetes artesanais, a Scaramouche, que se tornou uma das top 5 sorveterias da França. Piquenique na Provence mostra, entre receitas tentadoras e com um texto inteligente e bem-humorado, a trajetória de uma jornalista norte-americana aprendendo os truques da maternidade francesa, uma família encontrando uma nova paixão profissional e a iniciação de uma cozinheira na culinária clássica da Provence. Uma deliciosa mistura de Comer, rezar, amar, Um ano na Provence e Sob o sol da Toscana.

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez

Compre o livro na

Amazon