Lisa Kleypas – A Redenção @gutenberg_ed #resenha


lisa-kleypas-redencao

Olá!

Confira a resenha do livro A Redenção, da autora Lisa  Kleypas. Publicado pela ed Gutenberg.

The Travises / The Travis Family

  1. A protegida (Sugar Daddy – 2007)
  2. A Redenção (Blue-Eyed Devil -2008)
  3. Smooth Talking Stranger (2011)
  4. Brown-Eyed (2015)

Haven é a caçula de uma abastada família do Texas. O magnata Churchill Travis é muito respeitado.

“Era um ‘famoso gênio’ do mercado, criador de um fundo internacional de investimento em energia que quase dobrou em uma década.”

Após a morte da mãe, quando ela tinha quinze anos, foi para a faculdade só para mulheres, isso não a favoreceu na vida sentimental. Ela não era namoradeira.

Teimosa, não se relacionava bem com o pai, pois estava sempre pronta para desafiar qualquer limite  que lhe fosse imposto.

Conhece Nick numa festa em Cambridge e se apaixona.

No dia do casamento de seu irmão Gage, ela o apresenta ao pai que, não aprovando o namoro, ela parte para Dallas com Nick casando-se com ele. Seu pai corta as relações, inclusive o direito aos bens dos Travis.

Aos poucos, o relacionamento do casal vai se deteriorando, pois ele se mostra manipulador e cruel.

“ É portador de T P N.  É uma pessoa tirânica, egoísta, gosta de culpar os outros e não tem empatia…e usa a raiva como tática de controle.”

Ela o amava mesmo assim, até que um dia, não suportando a violência física e psíquica, retorna para junto da família.

Ela decide seguir sua vida sozinha contando com a ajuda de uma terapeuta na superação dos traumas.

Um fim de semana sai para curtir a noite na companhia do irmão e, na saída, revê Hardy Cates quem ela havia beijado, por engano, no dia do casamento do irmão, há dois anos.

Hardy era ambicioso e determinado que tinha começado a vida do zero. Como ele havia sabotado Gage num negócio, os Travis não o viam com bons olhos. Haven procurava sempre se distanciar de Hardy.

Ele começara trabalhando em plataformas marítimas. Cresceu, e hoje é um grande industrial na área petrolífera.

Ele não perdia oportunidade de se aproximar de Haven.

Ele se apresentava alegre e descontraído ao lado de Haven, porém ele era, na verdade, uma pessoa desejosa de poder e sucesso e, determinado, acima de tudo. A causa primeira remonta à infância sem recursos.

“Era impulsionado pelo orgulho e raiva, o que o fazia acreditar que merecia sempre mais.”

Dois jovens e duas expectativas de vida. Iriam se adaptar e encontrar o caminho?  Seria a Redenção!

capa bem significativa, diagramação e papel agradáveis à leitura. Recomendo

CAPA, FICHA TÉCNICA, SINOPSE

a redencao

A redenção

Blue-Eyed Devil

Lisa Kleypas

ISBN: 9788582353882
Editora: Gutenberg
Número de páginas: 256
Encadernação: Brochura
Formato: 16 x 23 cm
Edição: 2016

SINOPSE

Quando os destinos de duas pessoas marcadas pela violência se cruzam, é preciso escolher um caminho a Seguir: O Amor Ou A Dor.

Herdeira caçula de um verdadeiro império, Haven é uma mulher obstinada que vive de acordo com os próprios princípios e que não tem medo de bater de frente com o pai, Churchill Travis, um dos homens mais ricos e respeitados do Texas. Mas ao cortar relações com ele para se casar com um homem que sua família desaprova, Haven vê sua vida se transformar num verdadeiro inferno… e não tem para quem pedir ajuda. Dois anos depois, Haven volta para casa, com a alma abatida e o coração fechado, determinada a reconstruir sua vida sozinha. Mas Hardy Cates e seus irresistíveis olhos azuis cruzam seu caminho, e ele é a última pessoa que ela precisa encontrar. Hardy é o mais novo magnata da indústria petroleira de Houston, um homem de sangue quente que aprendeu desde muito cedo a não confiar em ninguém e que nunca mediu esforços para chegar aonde quer: ao topo! Em sua jornada alimentada pela ambição desmedida, ele conquista poder e inimigos, incluindo os homens da poderosa família Travis. O que ele não esperava era sentir suas defesas serem abaladas pela herdeira da família… Conseguirão duas pessoas que aprenderam da pior maneira que o amor pode ser o inimigo mais cruel deixar para trás todos os traumas e se permitir uma nova chance?

 

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez

 

Previous Renato Russo - The 42nd St. Band: romance de uma banda imaginária @cialetras #resenha
Next Carolina Munhóz - Por um toque de sorte @editoraRocco #Resenha

17 Comments

  1. Oi Ro, estou adorando esta série contemporânea da Lisa Kleypas. Gostei de ver o relacionamento destes dois. A cena do primeiro beijo, bem que eu gostaria de estar no lugar dela, aliás, em qualquer cena que Hardy estivesse presente. Foi um duro crescimento que Haven teve que enfrentar, mas que bom que ela teve coragem de colocar um ponto final nos abusos.
    Bjs!

  2. 05/12/2016

    Olá, tudo bem?

    Até o momento, ainda não li nada dessa autora, mas pretendo mudar isso…
    Mas confesso que a premissa desse livro em questão não me cativou muito, não sei, fiquei com uma sensação de mais do mesmo… Mas enfim, só lendo pra ter certeza, né? Quem sabe…

    Beijo!
    Ana.

  3. 01/12/2016

    Olá, tudo bem? Já li muito Lisa Kleypas mas em roomance d época. Ainda não me arrisquei no contemporâneo mas está na minha lista. Adorei a resenha!
    Beijos,

  4. krisnamara
    28/11/2016

    Rosana, tudo bem?

    Tô com esse livro aqui na lista. Adoro a escrita da da Lisa e super gostei do livro anterior. Espero ler em breve!

    Beijo

    Leitoras Inquietas

  5. Oii!!

    Eu AMO a escrita da Lisa, mas acredita que não consegui ler nada dela publicado pela Gutemberg????
    Preciso desses livros com urgência!
    Gostei da suas colocações!

    Beijinhos

  6. 27/11/2016

    Olá!
    Ainda não tive a oportunidade de ler nada da autora, mas sempre me falaram tão bem que eu morro de vontade, principalmente alguma coisa fora dessa linda de romances de época. Adorei a sua resenha!
    Beijos.

  7. Gabriela de Souza Cerqueira
    24/11/2016

    o livro não me chamou tanta atenção pois não faz meu gênero mas achl maravilhoso que a autora esteja trazendo o tema violencia contra a mulher em suas obras

  8. Gaby Cunha
    23/11/2016

    Olá! Adorei sua resenha, mas no momento procuro por outro tipo de leitura. Obrigada pela dica mesmo assim!
    Bjs

  9. Oie
    não é um livro que lerei mas bem legal o enredo para amantes do gênero e da autora hahaha a capa achei meio “oi?”, mas tudo bem, bem legal o post

    Beijos

  10. 23/11/2016

    Olá! Tudo bem? Eu nunca li nada da autora, mas tenho imensa curiosidade em conferir essa serie! A premissa do primeiro é mega interessante e vejo que gostou desse segundo também, pela nota. Quero muito ler!
    Beijos

  11. 22/11/2016

    Oi Rosana, sua linda, tudo bem?
    Eu já li o liro e gostei muito. Achei importante pois a autora trabalhou um tema que precisa ser denunciado: a violência contra a mulher. E a personagem do livro é forte, enfrentou e mesmo depois de tudo o que lhe aconteceu tentou seguir em frente sem a ajuda do dinheiro da família. Estou louca para ler os próximos livros da série. Gostei muito da sua resenha.
    beijinhos.
    cila.

  12. Amo o trabalho da Lisa Kleypas, amo seus romances de época e confesso que quero muito ler essa série, pois será um meio diferente de conhecer o trabalho da autora nos contemporâneos. Então, sua resenha só reforçou minha vontade de conhecer essa história.

    Raissa Nantes

  13. 20/11/2016

    Oi!
    Eu li o primeiro volume dessa série e me apaixonei tanto pela trama quanto pela escrita da autora. Hardy não foi um personagem que gostei muito por isso fiquei surpresa quando soube que ele seria o protagonista do segundo volume junto com Haven e curiosa pra saber o que a autora preparou pra ele.
    Beijos!

  14. 20/11/2016

    Olá!

    Conhecia a Lisa só dos romances de época, não sabia que escrevia contemporâneos também. Não é algo que leria agora, mas gostei da premissa.

  15. 20/11/2016

    Olá
    É, nem sempre bancar a rebelde vai te fazer feliz, espero que agora, mesmo sendo rebelde denovo dê certo. Pelo menos o cara é trabalhador, como diria minha mãe XD.
    Mas não um tipo de trama que me atrai para livros, sabe, acho que preferiria mais se fosse um filme.

  16. Beta Oliveira
    18/11/2016

    Olha que eu só tinha lido alguns dos históricos da Lisa Kleypas (não consegui terminar a série dos Hathaways ainda), mas esse não conhecia. Na verdade, confundi ele com o outro que já foi lançado. E milagrosamente #MadreHooligan ainda não o achou na livraria!

  17. Oi, Rô.
    Tenho muita vontade de ler essa série! Primeiro tenho que dar conta de alguma série que tenho aqui, mas essa está na lista de desejos!
    Beijos
    Camis

Deixe um comentário! Quero saber o que achou do texto ;)