Avaliação

A espiã é um romance de ficção baseado em fatos reais. É a história de Mata Hari, uma dançarina holandesa que, acusada de espionagem na 1ª Guerra, foi executada pelas tropas francesas.

9
Nota

Olá!

Confira a resenha do livro A espiã, de Paulo Coelho . Publicado pela editora Paralela.

A espiã é um romance de ficção baseado em fatos reais. É a história de Mata Hari, uma dançarina holandesa que, acusada de espionagem na 1ª Guerra, foi executada pelas tropas francesas.

A trama da história se desenvolve a partir de genuína inspiração do autor acerca de cartas trocadas entre a dançarina e seu advogado que fora seu amante.

Margaretha Zelle era uma adolescente que viveu no início do século XX. Muito cedo aprendera com a mãe que sexo seria só por amor, e pelo resto da vida. Ela estudava num colégio (aos 16 anos) e, certo dia, foi abusada pelo diretor do estabelecimento. Ficou em pânico, não sabendo o que fazer, decidiu calar-se.

“A partir daquele momento comecei a associar sexo com algo mecânico e que nada tinha a ver com amor.”

Depois, Margaretha se casa com um oficial do exército holandês, mas não foi feliz por conta de violência doméstica.

“Pouco a pouco fui perdendo a noção de quem eu era. Passava os dias cuidando de minha filha, andando pela casa com ar displicentemente nobre, escondendo as escoriações com excesso de maquiagem, mas sabendo que eu não estava enganando ninguém, absolutamente ninguém.”

Ela toma uma decisão que mudará sua vida para sempre. Muda o nome para Mata Hari. Parte para Paris para encontrar-se com seus sonhos.

“Ela posava como uma princesa javanesa e se tornou uma bailarina exótica.”

Muitos homens se fascinam com a dança e a beleza da moça.

“Delgada e alta, com a graça flexível de um animal selvagem, seus cabelos negros ondulam de maneira estranha e nos transportam para um lugar mágico.”

Participa de incontáveis aventuras amorosas com personalidades políticas e militares, oficiais franceses e alemães. Ela é uma mulher livre das amarras convencionais da sociedade  de seu tempo. Curte os bons momentos usando sua perspicaz inteligência, e seduzindo os homens com seu corpo (única arma de que dispunha) para conseguir sobreviver em tempos de guerra.

Acompanhamos a trajetória de Mata Hari degrau a degrau até o estrelato, bem como sua descida ao inferno na prisão.  Ali ela faz um retrospecto de sua vida e, que apesar de tudo, espera, até o último instante, a absolvição.

“Como é que uma mulher que, durante anos, conseguiu tudo o que queria, pode ser condenada por tão pouco.  Fui condenada por espionagem, quando tudo o que consegui de concreto foram fofocas nos salões da alta sociedade.”

Porém, ela sempre foi “ a fascinação  dos homens”, a mulher que não se intimidava com nada.  Tantas vezes driblou o perigo, porém, acabou presa às suas armadilhas.

Considerada, injustamente, como espiã e agente dupla, foi condenada à morte  durante a guerra.

Esta é uma leitura que nos dá a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a vida  da corajosa e determinada Mata Hari , pelas mãos brilhantes do autor—Paulo Coelho.

A capa é linda, diagramação e papel agradáveis à leitura. Recomendo!!

Na madrugada de 11/11, o autor Paulo Coelho foi entrevistado por Jô Soares e falou o seguinte: ele é 0 5° autor mais vendido no mundo! E tem nada menos que  210 milhões de livros vendidos ao redor do mundo e foi traduzido em 80 línguas. Ah, cada livro é lido em média por três pessoas, então imagine se cada pessoa houvesse comprado um livro…

Capa, ficha técnica, sinopse

a espia

A espiã

Paulo Coelho

ISBN: 9788584390373
Editora: Paralela
Número de páginas: 184
Encadernação: Brochura
Formato: 14 x 21 cm
Edição: 2016

Sinopse

Mata Hari foi a mulher mais desejada de sua época: bailarina exótica que chocava e encantava plateias ao se desnudar nos palcos, confidente e amante dos homens mais ricos e poderosos de seu tempo, figura de passado enigmático que despertava o ciúme e a inveja das damas da aristocracia parisiense. Ela ousou libertar-se do moralismo e dos costumes provincianos das primeiras décadas do século XX e pagou caro por isso: em 1917, foi executada pelo pelotão de fuzilamento do exército francês, sob alegação de espionagem. Em seu novo romance, Paulo Coelho revisita com brilhantismo a vida dessa mulher extraordinária, mostrando ao leitor que as árvores mais altas nascem das menores sementes.

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez

Compre o livro em

Amazon

Buscapé

Submarino