Posts in tag

filme



Duna é um clássico dos quadrinhos de ficção científica, escrito por Frank Herbert, e tendo seu primeiro volume sido lançado em 1965. Desde então, tornou-se uma referência do gênero, tendo influenciado muitas outras obras; a mais famosa delas, Star Wars.  A primeira adaptação para cinema de Duna ocorreu nos anos oitenta e, dizem, quem viu …

Talvez pareça incrível para as gerações mais novas, mas os Trapalhões foram um dos maiores fenômenos do humor brasileiro. Com esquetes inocentes e sem vergonha de expor o lado mais “mundano” do humor, o quarteto liderado por Renato Aragão fez história na TV brasileira. Porém, o que também ficava escancarado a cada aparição do grupo …

Relendo algumas resenhas passadas, notei alguns termos que uso com frequência, e, dentre esses, houve uma incidência grande de “leve” e “despretensioso”. Pois O Culpado, que achei esses dias na Netflix é despretensioso, mas leve? Jamais! Despretensioso porque está lá, escondido no catálogo vermelhinho, estrelado pelo rodado Jake Gyllenhaal, de curta duração, mas a porrada, …

Existem sequências de filmes que saem rápido; outras que demoram muitos anos, e existe a sequência de Top Gun – Ases Indomáveis, que levou “apenas” 36 anos para sair, o que pode atrair uma nova geração de expectadores e trazer a clássica pergunta: “preciso ver o primeiro para entender a história?”. Não, não precisa. Apesar …

Jogador nº 2: ainda mais real! Todo mundo sabe que há uma hora pra parar; de comer, de beber, de jogar; e, em geral, quando algo dá errado, é bem fácil de se lembrar qual o momento da decisão  ruim. Em Jogador nº 2, de Ernest Cline, óbvia continuação de Jogador nº 1, já nas …

Que tempos aqueles fins de anos 50! Governo JK, anos dourados, Brasil campeão do mundo pela primeira vez, bossa nova, e a primeira apresentação de Bill Haley no país! Na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro, a efeméride mexeu com a cabeça de um grupo de jovens, como Tião, que com alguns quilos e …

The Outsiders: vidas sem rumo Corriam os loucos anos sessenta em Tulsa, na cidade de Oklahoma, e a jovem Susan Hilton, então com seus 15 anos, observava as brigas de gangues envolvendo os garotos à sua volta. Um dia, com nenhuma experiência literária, mas muita observação, ele decidiu transcrever o que via. Assim, em 1967, …

Medo do claro! Certa vez afirmei – não me lembro se aqui no blog – que, pra mim, Terror é o gênero de cinema mais fácil para se fazer um filme ruim. Note, não estou dizendo que seja um gênero ruim ou que todos os seus filmes sejam ruins, bem longe disso. Entretanto, a convenção …

optimus prime

Sim, eu revi boa parte de meus preconceitos com relação a Velozes & Furiosos, mas o mesmo não aconteceu com os Transformers. Não vou negar que o primeiro até me divertiu, muito graças, talvez, à memória afetiva dos heróis japoneses e seus robôs gigantes que marcaram minha infância; mas foi só. Já a partir do …

vizinhanca

Lindo mesmo! Tom Hanks é um dos maiores e mais bem-sucedidos atores da história do cinema. Já foi advogado, náufrago, deficiente mental, astronauta, milionário, empresário de banda, criança em corpo de adulto, ficou preso em aeroporto e até se apaixonou por uma sereia; e foi com esse currículo impressionante que ele se viu escalado para …