Olá!

Confira a resenha do livro Pelos caminhos da vida, de Cristina Censon (pelo espírito Daniel), publicado pela editora Petit

França (1350), tempos de ignorância e escuridão. “Tempos de opressão e temor”.

Adele de 13 anos, perde a mãe e, a partir daí, começa a ser perseguida pelo pai, o Duque Auguste, porque ela era paranormal (vê e fala com espíritos). Pretende interná-la.

(Para ele, a filha tinha uma imaginação fértil demais para os padrões da época.)

Sentindo ameaçada sua liberdade, Adele foge do palácio, em companhia da aia, Justine, para tentar encontrar Elise, uma pessoa que a mãe dela havia recomendado, caso ela viesse a faltar, pois sua saúde ia mal.  Elise era a pessoa indicada para cuidar da menina, por conta de seu dom.

Cansadas de caminhar, Adele e a aia  param para descansar. O dono do casebre, Adrien, estava abatido com a perda da família por uma peste que assolou a região.

Ele recebe ajuda espiritual da garota e melhora. Em agradecimento, acompanha as duas na caminhada em busca de Elise. Acabam encontrando a residência de Aimée, garota tão especial quanto Adele. Esta a convida para ali permanecer, Adele se recusa, pois escolhe seguir viagem para encontrar Elise. Ela sabia que seu futuro era uma incógnita.

“O melhor a fazer é continuar a caminhar…”

O que Adele não sabe é que sua escolha terá um alto preço.  Ela está sendo perseguida por servidores do Duque Auguste.

A partir daí, as más escolhas mostram uma sucessão de fatos terríveis.

“Apesar disso, novos tempos virão livres do peso de nossas falhas e equívocos frutos de nossa ignorância.”

Capa, ficha técnica, sinopse

 

caminhos vida

Pelos caminhos da vida

Cristina Censon

ISBN: 9788572533034
Editora: Petit
Número de páginas: 384
Encadernação: Brochura
Formato: 16 X 23cm
Ano Edição: 2016

Sinopse

Na França, em pleno século XIV, vive Adele, uma jovem de apenas 13 anos. Apesar de tão pouca idade, enfrenta uma intensa jornada pessoal. Quando seu pai descobre que ela é capaz de ver e conversar com espíritos, começa a persegui-la.

Ao lado de sua aia Justine, Adele foge da ira paterna e vai ao encontro de Elise, uma das personagens femininas mais emblemáticas da história. Mulher forte, à frente do seu tempo, Elise aproximará Adele de Aimée, jovem de igual sensibilidade e dom.

O pai de Adele, no entanto, não desiste da perseguição à filha, e sua vingança provoca uma tragédia de grandes proporções.

Boa leitura

See ya!

Rosana Gutierrez

 

Compre o livro no site da editora