BASTIDORES LITERÁRIOS – Será Que Adaptações Ajudam Mesmo a Literatura? (2 de 2)


Por Gianpaolo Celli, consultor do ALITERAÇÃO SERVIÇOS EDITORIAIS

Toda a colocação da semana passada, na realidade, não chegou a responder a questão original.

Na verdade o assunto me recordou o artigo A LISTA NEGRA DOS TEMAS LITERÁRIOS, escrito logo antes desta dupla de artigos, onde eu comentei a respeito de livros de super-herói. Continuando a falar de outras mídias, cinema mais precisamente (e uma vez mais tenho que comentar que já cheguei a comentar a respeito aqui em artigos anteriores), já vi críticos colocando que a quantidade de produções sobre super-heróis no cinema e na TV é tanta que apostam que acontecerá com o gênero o mesmo que aconteceu a meio século com os Westerns: o mercado ficou tão saturado que o gênero foi esquecido e está no limbo desde então.

Mesmo assim, será que estas adaptações e spin-offs estão ajudando o mercado literário? Quer dizer, estão trazendo novos leitores, que depois destas obras continuaram buscando outras obras do gênero, ou de gêneros semelhantes?

Evidente que qualquer obra que faça alguém ler é relevante, mas essa é uma questão que deve ser feita a cada gênero que estoura e vira moda. Por exemplo, na primeira parte comentei a respeito de adaptações de filmes, séries e jogos de RPG. Agora, todos sabem que o público que leu estas adaptações e estes spin-offs em sua maioria de obras de fantasia e ficção cientifica eram nerds (os quais ao menos na época já gostavam de ler), de modo que a influência no mercado literário não foi tão absurda. Como eu disse na primeira parte do artigo, apesar de trazerem muitas vezes grandes nomes e de conseguirem um público razoável, na maioria das vezes estes livros não chegaram a ser considerados best-sellers.

Já quando comentamos a respeito de obras como Harry Potter, série que foi acompanhada por crianças que cresceram lendo aquilo (o que ao menos aqui no Brasil é algo incomum), pode-se dizer que houve sim uma mudança, porque se criou uma geração de leitores, ao contrário do que está acontecendo com os livros de vlogueiros.

Eu me recordo que já há algum tempo eu vejo discussões a respeito e o que a maioria diz é que, por não se tratar de literatura, pelo assunto ser muito determinado e por se tratarem de fãs da pessoa em questão e não de um gênero ou de um estilo e história, isso não vai acontecer.

FALA SÉRIO! Aqui a questão é semelhante a já comentada das adaptações para o cinema que estouraram em vendas. Será que a maioria dos fãs que compra, não faz isso só porque é fã e termina não lendo? Outro exemplo deste tipo de situação são os sucessos dos livros do Padre Marcelo ou do Bispo Macedo. Não é como gostar de um gênero literário, que o interesse pelo tema fará o leitor buscar outros semelhantes. No caso quem lê não vai se interessar por livros de outros autores.

Já no caso dos novos livros de jogo, como é o caso de Assassin’s Creed ou mesmo Word of Warcraft, vamos esperar que os jogadores comecem a gostar de leitura e continuem lendo outros livros do gênero ou gêneros semelhantes.

E para você, escritor que busca se profissionalizar, FALA SÉRIO! Como coloquei anteriormente, não deixe que seu ego interfira no que pode se tornar uma carreira, não ache que o que você faz é melhor coisa do mundo e que do nada seu primeiro livro será um divisor de águas do mercado.

Vá além das fanfics, estude muito, pratique mais ainda, publique, mesmo que seja em plataformas online como a Amazon ou o Wattpad, e busque aperfeiçoar sua escrita buscando profissionais da área para leituras críticas e preparação de texto (lembra dos 95% de negativas citadas antes?!). Com isso você desenvolverá seu estilo, criará seu nome, para que com isso no futuro você consiga criar uma carreira de escritor, porque no fundo é isso que todos queremos, não é verdade?

AS IDEIAS E OPINIÕES EXPOSTAS NOS ARTIGOS, TEXTOS E COMENTÁRIOS SÃO DE RESPONSABILIDADE DOS AUTORES, NÃO REFLETINDO, NECESSARIAMENTE, A OPINIÃO OU POSIÇÃO DO LIVRÓLOGOS
Previous James Rollins e Rebecca Cantrell - Sangue inocente @EditoraRocco #resenha
Next Lançamentos Março 2017 @Novo_conceito

No Comment

Deixe um comentário! Quero saber o que achou do texto ;)